"ELISEU, O SUCESSOR DE ELIAS"
 
"ELISEU, O SUCESSOR DE ELIAS"
 


altELISEU, O SUCESSOR DE ELIAS

 

Pr. Alexandre Augusto

Itajubá/MG

Redigida Em: 13/12/09

Quadrangular

www.pralexandreaugusto.wordpress.com.br

 

ESTA MENSAGEM MUDARÁ A SUA VIDA. ACREDITE.

Texto:

15. Então o Senhor lhe disse a Elias: Vai, volta pelo teu caminho para o deserto de Damasco; quando lá chegares, ungirás a Hazael para ser rei sobre a Síria.

16. E a Jeú, filho de Ninsi, ungirás para ser rei sobre Israel; bem como a Eliseu, filho de Safate de Abel-Meolá, ungirás para ser profeta em teu lugar.

 

INTRODUÇÃO

                Está mensagem teve um poder impactante em minha vida e como todas as outras postadas na rede de computadores, também teve sua fundamental parcela de colaboração nas vidas das ovelhas na igreja que Deus me colocou a pastorear. Por isso desejo que abra seu coração e deixe a luz da palavra de Deus entrar em ti.

                Quero falar de um homem que marcou a história do povo de Deus, amado e respeitado na História do povo Judeu, seu nome é Elisha, ou Eliseu, o profeta, sucessor de Elias. Estes não foram homens que passaram por uma História sem deixarem suas marcas, mas atravessaram um tempo, deixando pegadas e ensinamentos que influenciam todo o povo de Deus ainda nos dias de hoje. Antes precisamos conhecer mais dessas personalidades marcantes.

 

QUEM FOI O PROFETA ELIAS

Há muito tempo, na cidade de Tisbe, na região de Gileade, local onde ser produzia os melhores azeites, usados em várias tarefas nos afazeres do templo e na vida cotidiana (leia a mensagem AZEITONAS DE JEOVÁ), uma família vivia normalmente até que a matriarca da casa fica grávida, e os dias se passam, chegando perto da hora do nascimento da criança; então os amigos perguntam ao pai, como se chamaria a criança, visto que os judeus muito valorizam este momento, o momento de saber qual nome se daria à criança que nasceria. Então o pai disse: Meu filho se chamara Eliahu, que traduzido é O Senhor é Deus. Diz à história que ninguém entendeu, pois era costume dar nomes de pessoas da família, e não se tinha história desse nome naquele tempo, mas o pai não voltou atrás e confirmou, meu filho se chamará Eliahu.

Aquela criança cresceu nos ensinamentos do Senhor, se tornando um jovem com ousadia e sabedoria, e ainda nos fala os sábios judeus que Eliahu era de exuberante força física, cabelos longos e de uma voz estrondeante. Então o jovem se torna um homem e tem um encontro com aquele que seu nome com tanta propriedade afirmava ser Deus, o Eterno. Ao receber o chamado sai, vivendo pelos campos comendo mel silvestre e gafanhotos, se vestindo com peles de animais e cingido de uma corda na cintura. Eliahu, que era descendente de Arom, ou Arão, é um dos profetas de personalidade mais forte, uma das figuras mais poéticas da história judaica, e depois de Moisés, é o maior e o mais venerado entre os profetas, segundo Talmud e o Midrash, é um profeta místico, pois aparece misteriosamente na bíblia e da mesma forma desaparece, seu ministério aparentemente foi curto, mas de grande impacto na história do povo de Deus. Eu precisaria de muito tempo para descrever este tão abnegado servo de Deus, mas quero crer que você irá ler a bíblia e buscar mais conhecimento. Viveu na época que a Terra de Israel estava dividida em dois reinos, o do norte  o Reino de Israel  e o do sul  o Reino de Judá. E o rei Ahav, ou Acabe, filho de Omri, governava Israel (871-852 a.E.C). Este, fez muito mais para provocar o Eterno Deus de Israel, que todos os outros reis de Israel que o precederam (Reis I 16:33).

                Mas uma coisa me intriga. Elias tinha uma escola de profetas, mas porque o Senhor Jeová, manda que ele ungisse Eliseu para ser profeta em seu lugar, porque não um dos profetas que já haviam aprendido com ele, mas tinha que ser Elisha. Vermos.

 

QUEM FOI O PROFETA ELIZEU

                   Discípulo e sucessor de Elias (Eliahu Hanavi), Elliseu (Elisha), que do hebraico significa Deus é salvação, serviu seu povo por 60 anos, tendo realizado grandes milagres, diferentes dos que quaisquer outros profetas, e o dobro dos realizados por seu grande mestre. Ele teria realizado dezesseis; Eliahu, apenas oito. Diz o Zohar, o livro do explendor, que "Elisha teve méritos, neste mundo, não igualados por nenhum outro profeta - exceto Moisés". Na verdade, a narrativa da história de sua vida, no Livro dos Reis, é basicamente o registro de uma série de eventos e atos sobrenaturais. Eliseu viveu no Reino de Israel, no século VII antes da era Comum, época turbulenta em que a Terra de Israel estava dividida entre os reinos de Israel, ao norte, e reino de Judá, ao sul. Com a subida de seu mestre aos Céus, cabe a Elisha dar continuidade à missão de fazer Israel entender que Deus é Um e Único e que somente Ele é o Juiz Supremo.

                Sua profecia se fez ouvir em Israel, durante os reinados de Ocozias, Jorão, Jéu, Joás e Joacaz. Estava arando o seu campo quando o profeta Elias o chamou. Acompanhou Elias até o final de sua vida, recebendo dele seu espírito profético, simbolizado por um manto. Exerceu um papel importante na história de seu povo, tomando parte ativa nos acontecimentos de seu tempo. Foi sem dúvida um grande homem, uma personalidade forte, influente e de grande habilidade.

 

POR QUE ELISEU?

                   Como nos relata a história, Elias tinha uma escola de profetas, que segundo alguns estudiosos eram cerca de dois mil homens, recrutados por possuírem dons diferenciados, e os ajudava a desenvolverem suas habilidades para servirem o reino de Deus na face da terra.

                Agora vem o Todo poderoso Senhor Jeová, e diz a Elias que vá ungir um tal de Eliseu, filho de Safat, ou Sefate, para ser profeta em seu lugar. Esta decisão repentina de Deus me levou a fazer algumas perguntas a Ele que resultaram nesta mensagem, ELISEU, O SUCESSOR DE ELIAS, veja bem:

*Por que Deus não mandou que Elias escolhesse um de seus alunos, para assumirem seu lugar depois de sua subida ao céu?

*Por que Deus escolheria um desconhecido para um papel tão importante?

*Por que Elias não questionou a afirmativa de Deus?

*O que foi que o Senhor viu neste jovem chamado Eliseu?

                Vamos ver o que foi que o Senhor Jeová me disse.

 

ELISEU, O SUCESSOR DE ELIAS

                Muitos de nós questionamos a Deus a todo o tempo, fazendo perguntas, como quem não sabe da resposta, parecendo que somos inocentes, tais como:

Porque não sou eu um grande pregador?

Porque não sou eu uma grande cantora?

Por quê? Por quê? Por quê? Por quê? Sempre Por quê.

                A bíblia não nos relata sobre a vida de Eliseu antes do encontro com o profeta Elias, mas podemos deduzir que se Deus o escolheu, com toda certeza ele era uma pessoa especial, coisa que devemos entender antes de fazer qualquer indagação a Deus, ainda se levarmos em conta a situação e o momento do encontro.

                Mas vejamos as revelações contidas na bíblia sobre este incomparável homem de Deus que marcou a história do povo de Deus. Vamos aprender, ou tentar entender por que Deus escolheu Eliseu.

 

O PRIMEIRO MOTIVO DA ESCOLHA

                Após Deus mandar o profeta Elias ungir Eliseu como seu sucessor, Ele, Jeová, nos relata no versículo 17.

O que escapar de Jeú, matá-lo-á Eliseu. Isso revela que Eliseu era homem que sabia manusear a espada.

                Hoje muitos de nós não sabemos manusear a espada que é a palavra de Deus, não temos tempo para ler a bíblia, e sem conhecermos a palavra do Deus que servimos, jamais teremos vitória sobre nossos problemas, inimigos e medos. Queremos coisas da parte de Deus e mal conhecemos seus desejos, preceitos, projetos.

                Famílias estão sendo dizimadas por terem uma bíblia aberta em suas estantes apenas como amuletos de sorte, achando que isso irá livrá-los dos males desta vida, e desta forma provocam risos em satanás e seus demônios, idiotas.

                Devemos saber manusear a espada, pois foi com a espada de Deus que o próprio Jesus venceu o diabo no deserto. Devemos buscar na espada do Senhor as revelações contidas no coração de Deus. Pois hoje os pastores estão lendo livros para aprender a arrancar dinheiro dos membros, ao invés de ensina-los que devem dar por amor, e não por troca de bênçãos.

 

O SEGUNDO MOTIVO DA ESCOLHA

                Quando Elias vai até onde Eliseu estava, ele acha Eliseu em uma situação que talvez nunca tivesse achado seus alunos fazendo, trabalhando. Veja o versículo 19.

E partiu, pois, Elias dali e achou a Eliseu, filho de Sefate, que andava lavrando com doze juntas de bois.

                Outro segredo de ter sido Eliseu um escolhido sucessor de Elias, é que ele não era um vagabundo, um desocupado, um vadio, ele estava trabalhando. Muitos se acham escolhido e então ficam em casa esperando que um anjo bata em suas portas e os levem para pregar. Outros não aceitam serem faxineiros na igreja por que se acham bons demais para pegarem na vassoura.

                Creio que Eliseu sabia de seu chamado. Sabia que um dia Deus o tiraria, o separaria para uma grande obra, mas mesmo assim Eliseu nunca parou de trabalhar para ter sustento. Eliseu não se aprimorou em arrancar dinheiro de outras pessoas para ter um sustento enquanto seu chamado ministerial acontecia.

                Saiba que Deus jamais tem parte com pessoas desocupadas, que ficam de papo pro ar, não ajudam seus pastores a cuidar da igreja, e antes querem lhes derrubar. Por isso levante-se e ache uma junta de bois para que você possa trabalhar enquanto a hora não chega, ou então nunca provará dos milagres de Deus.

 

O TERCEIRO MOTIVO DA ESCOLHA

                Após Elias ter colocado sua capa no moço, Eliseu lhe mostra mais uma vez o porquê Deus o escolheu. Veja o versículo 20.

Então, deixou ele os bois e correu após Elias,...

                Eliseu não era um jovem apegado às coisas deste mundo, pois ao deixar os bois, que em uma comparação como quem deixasse doze tratores, correu atrás do profeta. Vemos em nossa geração, jovens e adultos que querem servir a Deus, mas não querem deixar as coisas e os vícios deste mundo, pois suas almas estão aprisionadas no mundo dominado por satanás, e não se enganem estes, pois ainda não possuem salvação alguma, mas possuem uma condenação.

                Pastores que estão medindo as igrejas pela arrecadação e não pelas almas. Talvez por isso os milagres de Deus não mais se manifestam em nossos meios, assim ficamos a ver navios, pois uma igreja apegada a coisas deste mundo não pode provar das coisas do mundo vindouro.

 

O QUARTO MOTIVO DA ESCOLHA

                Após se mostrar ser um homem que não é apegado nas coisas deste mundo, Eliseu pronuncia uma coisa que com certeza mexeu com o coração de Elias. Veja bem o que sai da boca de Eliseu, no versículo 20.

... Deixa-me beijar a meu pai e a minha mãe e, então, te seguirei.

                Que palavras importantes na vida de um escolhido. Talvez muitos já se esqueceram do primeiro mandamento com promessa, mas Eliseu não. Então eu me pergunto: Como um homem que nunca honrou pai e mãe pode se achar um escolhido, para fazer a obra do Senhor? Ou subir em um púlpito e pregar a palavra de Deus? A estes eu os chamo de mentirosos, netos do diabo.

                Essas palavras mostram também que Eliseu era uma pessoa que sabia reconhecer e respeitar as autoridades que estavam acima dele. E venhamos e convenhamos, como é difícil encontrarmos pessoas que respeitam autoridades, heim! Pois é só serem contrariados que saem da igreja, arrastando outros ignorantes e abrem seus próprios ministérios, e acham que Deus se esqueceu da rebeldia. Sem contarmos que ele vai pedir a Elias a autorização, assim reconhecendo a autoridade espiritual.

 

O QUINTO MOTIVO DA ESCOLHA

                As qualidades de Eliseu não param por aí, agora veja o que ele faz antes de sair da casa de seus pais e seguir o seu líder. No versículo 21, podemos ver.

...E tomou uma junta de bois, e os matou, e, como os aparelhos dos bois, cozeu as carnes, e as deu o povo e comeram.

                Eliseu mais uma vez mostra que seu apego não era com as coisas do mundo, mas com as coisas do alto. Então ele pega tudo que servia para se ganhar dinheiro e ter posses e sacrifica. Ao matar os bois e dar um churrasco a seus amigos e sua família, ele estava também mostrando que uma oferta sem amor de nada serve. Não adianta arrancar dinheiro dos fieis, precisamos ensiná-los a dar com amor, sem se preocuparem com a quantia, mas se preocupando com a qualidade do que vão dar.

                Este momento mostra que um servo precisa saber se sacrificar e se dar como uma oferta agradável a Deus, pois basta ameaçar chuva, frio, ou outra coisa qualquer, que não vamos para os cultos de adoração a Deus, e ficamos em casa nos enchendo da telinha, e nos contaminando com coisas pequenas.

                Voltemos a levantar e dar a Deus um sacrifício agradável ao Senhor.

 

O SEXTO MOTIVO DA ESCOLHA

                Para encerrar nossa mensagem, veremos o sexto motivo pelo qual Eliseu era o escolhido para ser o sucessor de Elias. No versículo 21, vemos a última qualidade de um homem que realmente é escolhido.

...Então, se levantou Eliseu, e seguiu a Elias, e o servia.

                Queremos crescer, mas não queremos aprender.

Eliseu se levantou, porque ninguém pode servir seu Senhor prostrado, mas deve estar de pé contrariando as coisas deste mundo.

Eliseu seguiu Elias, porque ninguém pode andar com seu Senhor e não o seguir de fato, pois então nunca terá sucesso em seu ministério.

Eliseu servia a Elias, existe uma frase que não é minha que diz: Quem não vive para servir, não serve para viver. Com certeza esta era uma grande qualidade indispensável para um sucessor.

CONCLUSÃO

                Está é uma mensagem que todos poderíamos ministrar em um encontro de líderes. Mas aprouve ao Senhor que você se alimentasse dela agora, por isso encha sua alma desta palavra.

                Creio que todos precisamos ser um sucessor no ministério do Senhor, por isso quero lhe dizer uma coisa. Não deixe seu líder sozinho, cole com ele, faça como fez Eliseu, deseje ser um sucessor.

                Penso que Eliseu já sabia da fama do profeta Elias, e das proezas que ele fazia em honra de Deus, penso que Eliseu tinha em seu coração o desejo de ser um profeta, penso que Eliseu já era um verdadeiro crente antes de ser chamado por Deus. Agora cabe a cada um de nós desejarmos ser um sucessor do grande profeta, JESUS.

 

 

 

Pr. Alexandre Augusto

Contatos:

0(xx)35.9199.71.01

Ou 0(xx)35.3621.16.17

 

 
Avalie este artigo:
(4 de 5)
75 voto(s)
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Pr. Alexandre Augusto Pereira
Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
Pastor da Igreja do Evangelho Quadrangular, na cidade de Itajubá, no sul de Minas, casado, pai de dois filhos. Ministro do Evangelho, levando uma palavra avivada e com muitta revelação.
Membro desde março de 2009
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: