O Túmulo de Eloá
 
O Túmulo de Eloá
 


Nesse dia dois de novembro milhões de brasileiros destinam-se aos cemitérios espalhados pelo País. Sejam aqueles que se encontram enterrados debaixo de um juazeiro ou aqueles que vivem (morrem)em meio à petrificação da sociedade, em túmulos enormes; nossa sociedade acostumou-se a celebrar esta data a fim de lembrar-se de seus entes queridos.

Está certo de que nunca nos esqueceremos daqueles que um dia povoaram nossas vidas, principalmente se nos deixaram um legado de ensinamentos e certezas, mas a grande retribuição deve acontecer em vida. Vejam os nossos eternos políticos, programam suas homenagens aos homens de sua terra quando estes dormem no subterrâneo, encobertos pelo cimento e muita terra. Aí o cidadão vira nome de rua, avenida, teatro, cinema, hospital, estádio de futebol etc. Quando estava vivo não era lembrado, mesmo que muito tenha feito e quantos desses dormem injustiçados pela ignorância em minha terra natal.

O "Dia de Finados" também é lembrado pelo dia da melancia, principalmente pelo calor excessivo que se acomoda no interior do estado de São Paulo nesta época. Esta é uma fruta tropical, acumula muita água e mata a sede nestes tempos secos. Haja barracas no entorno do cemitério. E os vendedores de flores, estes se avolumam brigando por um espaço e preferência do cliente, sai-se melhor hoje em dia, aquele que opta pelas flores de plástico (como na música dos "Titãs"), pois com o excesso dos casos de dengue, água acumulada é um problema. Vasos com H2O nem pensar. Portanto o bom senso vem predominando.

A tradição desperta nas pessoas a visita pelos túmulos daqueles que marcaram um período, considerados santos. Velas são acesas, presentes são deixados, placas são confeccionadas e fixadas, além do aglomerado de flores. Ayrton Sena, Clara Nunes, Cartola são túmulos muito visitados e agraciados com diversos presentes, levando uma legião de fãs aos cemitérios. Mas neste dia dois de novembro de dois mil e oito será o túmulo da jovem Eloá o mais visitado. Vítima da morte trágica, amparada no ciúme e ineficiência da polícia brasileira, Eloá fará parte da história brasileira e com certeza terá a visita de milhares de brasileiros indignados com tamanha brutalidade. Lindemberg segue refletindo na prisão.

P.S.: O túmulo da criança Isabela Nardoni será muito visitado. O casal Nardoni irá a júri popular.

 
Avalie este artigo:
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Sergio Sant'Anna
Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
Professor de Língua Portuguesa e Literatura, Escritor. É Pai da Bia e Esposo da Priscila.
Membro desde outubro de 2008
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: