A cremação de corpos
 
A cremação de corpos
 


O corpo não pertence a nós mesmo, é propriedade particular do Senhor. Ora vós sois o corpo de Cristo e seus membros em particular, 1º Coríntios 12. 27.

 

O que fazer com os corpos falecidos, uma parte da população acha que os Crematórios de corpos falecidos estão na moda, todo mundo quer morrer só para ser cremado. Passar por altas temperaturas, e suas cinzas ser lançados sobre a vegetação de uma área escolhida pelo próprio que falece, o qual deixa registrada esse desejo em cartório.

Chico Anísio deixou por escrito o seu desejo de ser cremado, e parte de suas cinzas fossem jogadas nas vegetações de Maranguape, cidade Natal do Humorista, a outra parte das cinzas fosse locada no Projac. Essa decisão sempre é confirmada por documento e com a presença de uma pessoa membro da família (portal do G1). O Vaticano informou que atualmente é moda cremar os corpos falecidos, porém afirma não ser normal o desejo de uma pessoa ser cremada. Para os cristãos processar o fim da vida com a cremação do corpo e brincar com as cinzas do falecido jogando sobre os arvoredos, sabendo que o fogo é juízo. O que fazer com a pessoa que falece hoje em dia, está na moda à cremação? A Igreja Católica informa que o Estado do Vaticano através da sua Livraria Editora divulgou um documento segundo as normas da Igreja Católica, sobre o que se deve fazer com as cinzas de um corpo após a cremação. Não devem expor as cinzas, pulverizando em jardins, lagos. O Vaticano afirma que está na moda atualmente cremar os corpos falecidos, zombar das cinzas do morto, jogando em qualquer lugar que se possam desejar, as pessoas julga terem direito de processar como querem. É uma profanação ao corpo físico e não corresponde com a Bíblia Sagrada, deve ser enterrada para o descanso do defunto. Essa informação primeiramente foi divulgada na Rádio do Vaticano, os textos foram corrigidos para publicação e dedicação das exéquias da cremação. A Igreja Católica não está proibindo a cremação de corpos falecidos, porem continua sendo considerado a sepultura dos corpos como a melhor maneira de sepultamento. Muitas pessoas cremam os seus corpos por razões que são consideradas ódio da fé cristã. Dom Ângelo Lameri, escritório Nacional da Conferência Episcopal Italiana (CEI) considerou grave toda argumentação desse desejo pessoal de alguns que não são cristãos, por esse ângulo de visão a Igreja é contrária. É preciso ter respeito à pessoa do falecido, cortejar aquele momento, testemunhar as coisas boas daquele que faleceu, as coisas boas da vida, está presentes entre os parentes e amigos lembrando-se de tudo que a pessoa foi, considera a melhor maneira de terminar a vida com o sepultamento.

http://www.acidigital.com/noticia.php?id=23400

 

 
Avalie este artigo:
1 voto(s)
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Espedito Siqueira Dos Santos
Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
Espedito Siqueira dos Santos mora em São José dos Campos – SP, Natural de Correntes-PE, funcionário inativo do Estado de São Paulo. Recebeu o Título de Licenciatura em Filosofia pelo Centro Universitário Claretiano, concluiu em 2009, Especialista na área Humana, Pós-Graduação “Lato-Sensu” Formação ...
Membro desde abril de 2012
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: