AFINAL, O QUE É PSICANÁLISE?
 
AFINAL, O QUE É PSICANÁLISE?
 


A história da Psicanálise é na realidade um relato sobre como grandes pesquisadores, filósofos, sociólogos e principalmente médicos da Europa chegaram à descoberta do inconsciente humano.

Ninguém jamais viu o inconsciente, mas sabe-se que existe.

Este artigo faz um pequeno relato daquele personagem que com suas pesquisas e forte desempenho contribuiu com a descoberta que marcou época e deu ao homem a oportunidade de se descobrir com seus conflitos internos.

Este cientista, Sigmund Freud, seguido de outros grandes nomes que o sucederam, descobriram que todos nós temos um inconsciente que governa nossa respiração, nossa digestão, as batidas do nosso coração e é principalmente o repositório de nossas mais secretas e revoltadas lembranças.

Essa descoberta do inconsciente nos proporcionou que o conhecimento de nossas frustrações denominado de lixo abissal, que é depositado em uma área desconhecida, pode nos tirar da mais profunda angústia e nos levar a encontrar o equilíbrio.

Sabemos então que se deixarmos que o inconsciente se transtorne, o resultado poderá ser a destruição. Seja de maneira lenta ou acelerada, através da depressão, do mal físico, do alcoolismo, da gula, do desejo ou até de crimes violentos.

Freud então, chamado e reconhecido como o pai da Psicanálise, ao criar esta Ciência, possibilitou ao homem, libertar estas turbulências emocionais que o atormentavam e acarretavam erros prejudiciais, causando, portanto um sofrimento quase que indescritível.

O que é então a Psicanálise? É, portanto a Ciência da compreensão da mente e que nos ensina a tomar conhecimento das impressões inconscientes e que assim o homem aprende a liberar as emoções aprisionadas, abandonando as ilusões que um dia serviram a certo propósito, mas que depois só causaram infelicidade e dor.

Ao contrário da Psicologia que é uma ciência voltada aos fenômenos observáveis da conduta humana e ao contrário também da Psiquiatria que trata das moléstias mentais graves, ou seja, os distúrbios de conduta, chamados de cérebro em degeneração, no caso, as psicoses, a Psicanálise se preocupa em compreender os distúrbios incomuns que se encontram bem escondidos por trás de cada mente. A diferença na Psicanálise é que para ser tratado, o indivíduo tem que querer fazê-lo.

Sem este querer, não se submeterá nunca ao tratamento psicanalítico. Não se prontificará ao trabalho da livre associação tão necessária à psicanálise.

A Psicanálise serve para as pessoas que buscam um equilíbrio interno e que não se contentam de existir num desespero, mas acreditam existir uma maneira mais amena de ser feliz. Serve para pessoas de negócios que se atormentam e se enervam diante das circunstâncias aparentemente inalcançáveis. Serve para a dona de casa que vive preocupada e agitada com uma tremenda sensação de vazio. É para pessoas que se casaram várias vezes e não entendem o porquê de tantas separações e o constante descontentamento em cada relação. Para uma criança exasperada por contínuos excessos de raiva, mesmo que todos os desejos sejam satisfeitos, para aqueles que não conseguem deixar de beber ou de usar soporíferos, serve para os solitários que apesar de sentirem a dor da solidão, não suportam se relacionar com outras pessoas. Serve também para os deprimidos e para aqueles que não conseguem se realizar com e em coisa alguma.

A natureza humana sofre muitas mudanças levando pessoas ao desespero.

Isto é um processo lento e inevitável que ocorre no cérebro e faz com que as pessoas vivam acuadas e presas ao terror do passado. Este passado está depositado na lixeira abissal e que de forma inconsciente, como se escondendo algo, o ser humano tampona este depósito que entra em necrose, gerando as dores que se manifestam das mais diversas formas, chegando até o grito do corpo, em forma de doenças psicossomáticas.

A Psicanálise apesar de ser considerada uma Ciência nova, tem contribuído extraordinariamente para tirar as pessoas de seus casulos emocionais através de processos que mostram a essas pessoas que gradualmente ocorreram mudanças bem profundas nas suas vidas, depois das sessões.

Isto porque descobriram que a compreensão mais profunda desta força extraordinária denominada inconsciente, depois de descoberta pode trazer o verdadeiro equilíbrio para a vida.

Este artigo é parte do meu próximo livro em lançamento.

 
Avalie este artigo:
(3 de 5)
19 voto(s)
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Solange Lins
Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
Dra. Solange Lins é Psicanalista, Sexóloga, PhD, ThD em Teologia, Autora de Vários Livros, Tradutora Literária, Professora, Autora do Programa: "Gestão de Qualidade de Vida", Conferencista Internacional, Diretora do "CENTRO ACADÊMICO DE DESENVOLVIMENTO INTELECTUAL", Palestrante Empresarial e re...
Membro desde junho de 2009
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: