O que é literatura?

Diante deste questionamento, mas afinal o que é literatura? podemos entender que  nada mais é do que permitir que nossas crianças sonhem, imaginem em um mundo da fantasias e assim inicie também a sua autonomia. Para Cademartori(1994,p23) a literatura infantil se configura não só como instrumento de formação conceitual, mas também de emancipação da manipulação da sociedade.

 A Literatura, além de ser um instrumento de emancipação, conforme destacou Cademartori(1994) acima, se torna um grande desafio  na sociedade por um lado temos a tecnologia e por outro o conflito com o poder libertário. Diante dessa realidade é imprescindível que o sujeito use a tecnologia, mas não se esqueça daquilo que realmente os torna humano, nesse contexto vale ressaltar a importância da escola incentivar seus alunos a leitura e as múltiplas formas de linguagens.

Para Cadematori(1994), a literatura infantil são livros, canções, textos teatrais, textos biográficos, contos, tem uma linguagem voltada para a criança, respeitando suas necessidades e capacidades que diferenciem dos adultos. Nós professores devemos proporcionar aos nossos alunos a leitura de forma prazerosa onde os mesmos se despertem o gosto pela leitura, por isso que antes de ler o livro devemos conhecer a historia para instrumentalizar o pedagógico em sala.

Dentre as características da literatura infantil encontramos o texto, a estrutura, a ilustração e o fato de que esses elementos podem ser apreciadas pela criança.

Observa-se que o texto literário no contexto da escola vai bem mais além de uma finalidade e pedagógica. Segundo Juracy Assman Saraiva na seguinte citação.

Enquanto fenômeno de comunicação, o texto literário se insere no âmbito da cultura, sendo uma resposta do autor as questões que lhes são contemporâneas e constituindo-se em uma provocação para o leito. Por ser uma expressão artística, o texto literário extrai dos processos histórico-politico-sociais uma visão da existência humana que transcede o tempo de sua concepção e instiga o leitor sob forma de perguntas que o levam a analisar seu próprio tempo (SARAIVA, 2001,P.26-27)

O autor mostra a importância dos textos literários, sendo parte da cultura humana, constituem expressões artísticas e também são respostas as questões atuais que surgem no contexto da sociedade. Observa-se que a literatura infantil vem justamente para aproximar a criança da realidade para Saraiva, Mello e Varella(2001,p.82) indicam que a literatura propicia a formação do leitor de maneira muito mais enriquecedora e”[..] exigi-se dos educadores a seleção de obras potencialmente que enriquecem o mundo interior da criança e que se harmonizem com suas inspirações[...]

Os professores deveram interessar também pela literatura, pois a criança tem acesso aos livros a partir do momento em que o professor apresenta esse mundo. Saraiva Mello e Varella (2001, p.84) indicam ainda que o gosto pela literatura “[...]não é algo casual pois ela se alimenta da exemplaridade que desencadeia o interesse, a motivação, o encantamento pelo mágico mundo da fantasia”. ler bons livros também e lúdico você não concordam?

A literatura infantil combina os aspectos lúdicos e afetivos possibilitando a inserção da linguagem como uma experiência enriquecedora no espaço escolar.

A ação da criança tem caráter experimental, pois ela manuseia as idéias, brinca com os sentidos da historia e cria possibilidades muito próprias de acordo com sua bagagem psicológica, social e cultural, a criança exercita a sua liberdade. Por isso, ouvir e contar historias vai alem dos objetivos escolares que o adulto pretendem dispor as crianças.

 Resenha baseado no livro- Ensino e alfabetização (Raquel Rodrigues Franco) Adriana Peres de Barros -Especialista em Educação Infantil; Gean Karla Dias Pimentel- Especialista em Psicopedagogia; Graciele Castro Silva - Graduada em Administração ; Jane Gomes Castro -  Especialista em Educação Infantil ; Lidiane da Silva Xavier - Especialista em Educação Infantil; Renata Rodrigues de Arruda - Especialista em Educação Infantil; Tatiane de Souza Gil - Especialista em Educação Especial e Libras