Fátima Vieira Coimbra

Fátima Vieira Coimbra
Professora de Português e Literatura, formada pela UFJF? Pós-graduação em Alfabetização e Letramento pela Faculdade Castelo Branco. Minha?alma textos.Uma coletânea. Sempre me alegra muito o fato de tê-los sob apreciação. São textos nos quais retratei minha alma, em conformidade com momentos vividos e outros que ainda vivo. Acho que somos vitoriosos a cada dia em que vivemos. Caro leitor, a poesia ?Chamamento intencional?, foi escrita em homenagem e agradecimento a você.Ao deixar seu comentário, retorne para ler minha resposta.Você que já está aqui ? LEMBRETE:há mais de 1 página.Obrigada. ___________________________________________________________________________ Chamamento Intencional A emoção e o prazer de escrever, Mais ainda por saber ser lido por você. Você, que entre poucos tem este hábito: louvável hábito. Assim é feita cada poesia, Como qualquer obra de arte, Com alegria de quem cria. A cada linha: a contemplação. Na criação: o esmero. Na conclusão da obra: a satisfação. Ao ser apreciado por alguém: a gratidão...O DESLUMBRAMENTO. Ao juntar todas as sensações: a realização. Ao reler tudo: a constatação ? fui iluminada...
(77) artigos publicados
Membro desde julho de 2008
Publicado em 06 de janeiro de 2010 em Poesias

Você, minha recaída.

Publicado em 06 de janeiro de 2010 em Poesias

O silêncio das palavras.

Publicado em 06 de janeiro de 2010 em Poesias

Você, dois em um.

Publicado em 06 de janeiro de 2010 em Poesias

Os Escritores em Mim.

Publicado em 06 de janeiro de 2010 em Poesias

Aos que passaram pela minha vida.

Publicado em 06 de janeiro de 2010 em Poesias

Vitória

Publicado em 06 de janeiro de 2010 em Poesias

Rememorando

Publicado em 06 de janeiro de 2010 em Poesias

Felicidade em Curso

Publicado em 20 de setembro de 2009 em Poesias

PENSEI QUE TE CONHECIA

Publicado em 22 de setembro de 2008 em Poesias

O Passar Dos Dias.

Publicado em 22 de setembro de 2008 em Poesias

Momentos Em Família.

Publicado em 22 de setembro de 2008 em Poesias

Sentir-se Só

Publicado em 22 de setembro de 2008 em Poesias

Fuga No Olhar.

Publicado em 22 de setembro de 2008 em Poesias

Enormes Dúvidas/ Pequenas Certezas

Publicado em 20 de agosto de 2008 em Poesias

Amor Sem Medida

Publicado em 17 de agosto de 2008 em Poesias

Gostosa Sensação.

Publicado em 17 de agosto de 2008 em Poesias

Reencontro

Publicado em 17 de agosto de 2008 em Poesias

Viagem De Amor

Publicado em 17 de agosto de 2008 em Poesias

Convicções Abaladas.

Publicado em 17 de agosto de 2008 em Poesias

Revanche Com Requinte.

Publicado em 16 de agosto de 2008 em Poesias

Adolescência

Publicado em 16 de agosto de 2008 em Poesias

Artimanhas

Publicado em 16 de agosto de 2008 em Poesias

Não Sei Dizer

Publicado em 16 de agosto de 2008 em Poesias

Te Vi

Publicado em 12 de agosto de 2008 em Educação

Pais, Escultores De Filho

Publicado em 08 de agosto de 2008 em Poesias

Pai

Publicado em 08 de agosto de 2008 em Poesias

Mãe.

Publicado em 07 de agosto de 2008 em Poesias

Refúgio Na Lembrança.

Publicado em 07 de agosto de 2008 em Poesias

Pessoas Perniciosas.

Publicado em 06 de agosto de 2008 em Poesias

Convivemos Com Todos.