POR: J. Wilamy Carneiro

RESUMO

Este projeto visa o “Resgate Histórico e Cultural da Residência de Domingos Olímpio” – Escritor sobralense e autor da obra regionalista e romance Luzia-Homem.

Com base em pesquisa levantada nos últimos anos no Município de Sobral, Região Noroeste do Estado do Ceará e distante a 235 Km da capital cearense nosso município não possui acervo cultural na história do escritor regionalista. Apenas um busto do escriotor na entrada do Teatro São João, local  de outrora em encontro do autor sobralense com os amigos em peças teatrais, reuniões..Uma estátua em estado crítico e bastante isolada representanto Luzia e Crapíúna feita por admistrações passadas no Quartel Militar em lugar ermo numa praçinha abandonada.    

Um século se passou e nossa história está se esvaindo. Com o objetivo de “Resgate Histórico e Cultural” na vida do autor e visando firmar parcerias com  a Secretria da Cultura de nosso Município, O IPHAN, as Autoridades Municipais, escritores, poetas e populares temos a iniciativa e ousadia de implantar um “Projeto Piloto” na antiga residência do escritor sobralense. Há décadas uma estátua em estado de abando da obra Luzia-Homem está esquecida. Somente no ano de 2019 começaram a restaurá-las com muito pedidos por jornalistas, poetas e escritores sobralense no Becco do Cotovelo, corredor cultural de nossa cidade Januária e Distinta de Sobral.

OBJETIVOS GERAIS

- Resgatar a memória histórica do escritor Domingos Olímpio.

- Trazer á tradição (compra) do imóvel pelo Poder Público Local e IPHAN.

- Transformar sua antiga residência em “Museu Domingos Olímpio.”

 

OBJETIVOS ESPECÍFICOS

 

- Instigar a população em geral nosso Patrimônio Histórico e Cultural

- Resgatar a memória de nosso povo.

- Fazer parceria com Centro Cultural da cidade e população locais.

- Atrair turista para nossa cidade

- Fomentar estudos bibliográficos em Escolas Municipais, escolas particulares, Universidades e Centro de Ensinos.   

- Levantar fundos de investimentos ao turismo da cidade, socioeconômico e cultural.

 

Onde será o local destinado o Museu Domingos Olímpio

 

O local é bem apropriado e será localizado no centro de nossa cidade, casa omde morou o escritor na antiga Rua Aurora, logradouro que recebeu o nome do autor – Rua Domingos Olímpio.

A iniciativa é instigar o Poder Público local e autoridades competentes em adquirir o imóvel que atualmente está descaracterizado.

O segundo passo é resgatar a antiga estrutura da residência do escritor Domingos Olímpio onde ele nasceu e transformá-la em um museu na Cidade de Sobral. Locomover a estátua Luzia-Homem para um local de livre acesso e mais apropriado para visitantes e turistas. 

O terceiro passo, levantar suas obras, que estão resguardadas na Biblioteca Nacional, na cidade do Rio de Janeiro onde o autor residiu. No Recife onde concluiu a Faculdade de Direito. No Pará, exercendo a advogacia e jornalismo.

Ver seus escritos, como fundador dos jornais “Os Annaes, “O Comércio”, “Correio do Povo” “Gazeta de Notícia”, “O periódico Cidade do Rio”e por último “ O País”. Suas peças teatrais, romances, escritos com seu pseudônimo, suas vivências como Jornalista, Promotor Público.

 

 INTRODUÇÃO

 

No ano de 2015 tive a chance de mudar nosso veio literário na idade de Sobral. Com apoio de poetas e escritores cearenses em Sobral e na Capital, na cidade de Fortaleza começamos a brincar de poesias.

De início três ou quatro poetas aliaram ao que chamamos de poetas anônimos. Ademais, com o tempo vimos que poder fazer como fizeram os poetas no ano de 1950 e idos de 1960, 1964 e 1970. O que falo sobre a ”Poesia Marginal” e “Poesia Concretista” dos autores Leminski, Chagal, Torquato Neto, Casaco, Ana Cristina e Ferreira Gullar, Pignatari, Augusto e Haroldo de Campos.

Tomo a liberdade de citá-los, pois, na época os poetas não tinham muita liberdade de imprensa em passar sues escritos, talvez por isso a chamaram de “Geração Mimeógrafo” – tudo era produzido e rodado em mimeógrafos jogados e espalhados de mão em mão pelos próprios escritores e jornalistas.

 

DESENVOLVIMENTO

 

Destarte, deixando essa parte histórica e cultural de nossa gente, agradecemos pela força dos poetas, jornalistas que foram pra cima com suas ideias e revolucionaram a Literatura Brasileira.

Igualmente, pensemos na atualidade que muito precisa ser feito. O resgate de nossa cultura e Patrimônio Histórico anda em passos lentos.

O Ministério da Cultura, O IPHAN e outros órgãos precisam de secretariados e incentivo para resgatar nossa história. Verba Federal existe.

No ano de 2016, começamos os primeiros passos nessa nova empreitada. Montar algo que se lembrasse do nosso maior escritor regionalista e autor do romance Luzia-Homem. Fomos à rádio, blogs, redes sociais, para fomentar nosso objetivo. No Becco do Cotovelo, corredor cultural da cidade com os poetas em reunião “ A Poesia é um Saco” que comumente se reúnem no bar e lanchonete do Luciano naquele logradouro.

Em 2017 surgiu de minha autoria o projeto com tributo da Biografia de Domingos Olímpio  Este, foi publicado em uma antologia por uma escritora e poetisa sobralense

Em 2018 uma Feira do Livro foi realizada na cidade de Sobral. Então surgiu uma luz no fim do túnel.  A propósito, a “Primeira Feira de Livros Domingos Olímpio” na cidade que foi realizada no Centro de Convenções de Sobral, localizado à Rua Jose Arimatéia e Silva.

Na Feira de Livros com parceria da Prefeitura Municipal de Sobral e Casa da Cultura para resgatar a literatura local e cearense. Na abertura esteve presente o cartunista Maurício de Sousa. Foi um sucesso. Autores cearenses, poetas dos quatros cantos participaram.

Novos escritores com publicações de livros foram registrados na "Primeira Feira de Livros de Sobral" Então aproveitamos a Feria de Livros Domingo Olímpio e reforçamos a divulgação em solo com os escritores, poetas e editoras.

O resgate à memoria do escritor sobralense foi mencionada nesse local.

A temática foi apresentada, diante do maior evento cultural e literário da cidade. Academias de Letras dos Municípios do Ceará fizeram presentes, A ACE, ALMECE, ASEL, Grupo Chocalho com seus stands e livros dos respectivos autores. Foi realmente uma verdadeira Obra de Arte, digo-lhes melhor uma “Verdadeira Obra Cultural e  Literária” para nossa cidade.

 

CONCLUSÃO

 

O resgate à memoria de nosso maior escritor regionalista e modernista é sem dúvida um momento triunfal na história cultural de nossa gente.

Destarte, pode parecer difícil diante das circunstâncias financeira que atravessa nosso país. Por outro lado verbas destinadas ao Patrimônio Histórico e Cultural não é liberada com os devidos recursos necessários.

O “Projeto de Resgate Histórico e Cultural” da memória do maior escritor sobralense levará nosso município a categoria de reconhecimento nacional e internacional pelos feitos que o escritor tem nos deixado como obra em vida.

Ademais, o fortalecimento do setor cultural e histórico do nosso município ficará na memória de seu povo. O turismo fortalecido com visitas de pesquisadores, poetas e escritores das demais localidades, aplicando investimento sócio econômico e cultural ao próprio município.

 

NOTA: 

TODOS OS DIREITOS RESERVADOS

 

Esta obra intelectual e literária é resguardada ao autor pelos “Direitos Autorais” conforme Lei em vigor Lei 9.610 de 19 de Fevereiro de 1998. Toda e qualquer REPRODUÇÃO, ALTERAÇÃO, DISTRIBUIÇÃO, pertence ao seu criador. E só podem ser utilizados conforme sua autorização.

 

  • Wilamy Carneiro é professor palestrante, poeta, escritor. Membro da ALMECE – Academia de Letras do Município do Ceará. É Patrono da Cadeira de nº 97 do Município de Forquilha no Ceará. Autor do Livro "Os Estados Unidos de Sobral" e "EINSTEINS - e Sobral a Cidade Luz". Em 2018 publicou o livro de crônica  “Um Passo a Mais”.  A Obra " Tempo de Sol "- Em tudo se pode Sonhar" foi sua primeira publicação com parceria do Clube dos Autores e Amazon.