A educação ambiental não se trata de uma questão tão simples, para que o docente trabalhe com suas crianças é importante traçar estratégias e conceituar bem essa fase. vale ressaltar que a educação infantil é ofertada do nascimento ate seis anos de idade, onde irá oferecer os fundamentos para o desenvolvimento da criança nos aspectos: físico, psíquico, cognitivo e social. Além disso, a educação promove o desenvolvimento integral do ser humano para a transformação social, tornando uma base para  a autonomia.

A criança ao adentrar no espaço escolar buscam pelo conhecimento e  novidades, porem, em primeiro momento o brincar se torna mais importante que a ação mental, ou seja, através da brincadeira a criança conhecera a ser própria e o mundo que a cerca. Nesse período orientamos que o professor priorize as  vivencias em que a criança se encontra para possibilitá-los  ampliar  seus conhecimentos e descobertas.

Para que a criança entenda sobre a educação ambiental, sugerimos que observe a realidade sócio cultura da criança, procurando sempre despertar sua autonomia, criticidade e responsabilidade.

Quando desenvolver projetos, procure trabalhar a interdisciplinaridade, entre diversos eixos, tais como: o movimento, a musica, a arte visual, a matemática, a linguagem oral e escrita, a natureza, e a sociedade, trabalhados de forma conjunta através do tema principal e objetivo.

O referencial curricular nacional para a educação infantil, no que se refere ao conhecimento do mundo natureza e sociedade determina que a ação educativa deva se organizar em duas fases: Sendo a primeira para criança do nascimento a três anos: explorar o ambiente, para que possam se relacionar com pessoas, estabelecer conato com pequenos animais, com plantas e com objetos diversos, manifestando curiosidade e interesse. Sugerimos algumas idéias tais como: atividades que envolvam historias, brincadeiras, jogos e canções que digam respeito as tradições culturais de sua comunidade e de outros grupos; exploração de diferentes objetos, de suas propriedades e de relações simples de causa e efeito; contato com pequenos animais e plantas; conhecimento do próprio corpo por meio de uso e da exploração de suas habilidades físicas, motoras e perceptivas.

 Já a segunda fase para crianças de quatro a seis anos: nesta fase, os objetivos estabelecidos para a faixa estaria anterior anos deverão ser aprofundados e ampliados, garantindo-se, ainda oportunidade para que as crianças sejam capazes de: interessar e demonstrar curiosidade pelo mundo social e natural, formulando perguntas, imaginando soluções para compreende-lo,manifestando opiniões próprias sobre os acontecimentos, buscando informações e confrontando idéias;

Estabelecer algumas relações entre o modo de vida característico de seu grupo social e de outros grupos;

Estabelecer algumas relações entre o meio ambiente e as formas de vida que ali se manifestam, valorizando sua importância para a preservação das espécies e para a qualidade de vida humana.

Sugerimos algumas idéias para essa faixa etária  tais como: interpretação de registros, como desenho, fotografia, maquete; observação direta com uso de instrumento, como binóculos, lupas, microscópio para obtenção de dados de informação; utilização de livros , mas; estabelecimento de algumas  relações simples na comparação de dados; formulação de perguntas

O contato com a natureza é de fundamental importância para as crianças onde o professor deve oferecer oportunidade diversas para que elas possam descobrir sua riqueza e beleza e fazer passeios por parques e locais de área verde, manter contato com pequenos animais, pesquisar em livros a diversidade da fauna e da flora, principalmente brasileira, são algumas das formas de se promover o interesse e a valorização da natureza pela criança. Livro baseado Educação Ambiental Infantil Professora Genia Cesar Bontempo.

ADRIANA PERES DE BARROS Graduada em: Pedagogia; Especialista em Educação Infantil e professora na Rede Municipal de Ensino Público na cidade de Rondonópolis.ELÇA DOS SANTOS MACHADO - Graduada em: Pedagogia e Ciências Biológicas; Especialista em Educação Infantil e professora na Rede Municipal de Ensino Público na cidade de Rondonópolis.GRACIELE CASTRO SILVA - Graduada em Administração pela UESP - FAIESP-UNIC- Campus de Rondonópolis.LIDIANE DA SILVA XAVIER – Graduada em: Pedagogia; Especialista em Educação Infantil e professora na Rede Municipal de Ensino Público na cidade de Rondonópolis.LUCIMARA JOSÉ PEREIRA DE SOUZA SILVA: Especialista em Educação Infantil e Letramento : Email _ [email protected]RAQUEL SANTOS SILVA - Graduada em Letras; Especialista em Educação Infantil e professora na Rede Municipal de Ensino Público na cidade de Rondonópolis.RENATA RODRIGUES DE ARRUDA; Especialista em Educação Infantil. ROSILENE NUNES DA SILVA - Graduada em: Pedagogia; Especialista em Educação Infantil e professora na Rede Municipal de Ensino Público na cidade de Rondonópolis. TATIANE DE SOUZA GIL - Graduação Pedagogia ; Especialista em Educação Especial e Libras : Email _ [email protected]