O Uso da Plataforma Moodle na Educação à Distância como Forma de Democratizar o Ensino
 
O Uso da Plataforma Moodle na Educação à Distância como Forma de Democratizar o Ensino
 


Deusimar Angélica Santana

Faculdade Fortium

Curso de Pós-graduação Lato Sensu em Software Livre

SRTVN, Edifício Brasília Rádio Center, 1º subsolo,

70719-900 - Brasília/DF

[email protected]

Brasília, DF, 16 de abril de 2008

Resumo. Este artigo objetiva mostrar a influência e as vantagens que o Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle exerce na Educação à Distância, como forma de democratizar o aprendizado. A análise foi feita a partir dos dados coletados através de um questionário aplicado em duas instituições de ensino, sendo uma federal ou outra particular, a fim de comparar a funcionalidade, acessibilidade e o grau de aprendizado que esse ambiente propicia.

Palavras chaves: Ensino à Distância, Ambiente Virtual de Aprendizagem, Moodle

Resumen. Esto artículo tiene por objetivo mostrar la influencia que y las ventajas que ambiente virtual de la aprendizaje Moodle ejerce en la educación a distancia, como manera de democratizar el processo de aprendizaje. El análisis ser realizo a partir de los datos recogidos a través de uma encuesta aplicada a dos instituciones educativas, siendo uma Federal y otra particular com el fin de comparar la funcionalidad, la accesibilidad y el grado de aprendizaje que ofrec e el médio ambiente.

Palabras clave: Educación a Distancia, Entorno de Aprendizaje Virtual, Moodle

1.Introdução

A Educação a Distância (EaD) é uma modalidade educativa que já é praticada no mundo há quase um século. No Brasil, desde a fundação do Instituto Rádio Monitor, em 1939, surgiram vários outros meios de ensino à distância, sejam eles televisivos - como, por exemplo, o TeleCurso 1º e 2º grau (TV Globo)  ou via rádio ou por meio de correspondências. Sem dúvida, a Internet tem um grande diferencial sobre os outros meios no processo de ensino à distância, que é a interatividade entre os participantes, sendo eles, estudantes ou professores.

Para uma decisão sobre a escolha de uma plataforma e dos seus métodos de ensino, é preciso que se avaliem alguns pontos, sejam eles positivos ou negativos, e até que ponto essas prerrogativas influenciam no aprendizado.

As novas Tecnologias da Informação e Comunicação  (TIC) motiva cada vez mais pessoas e instituições de ensino a criarem oportunidades de democratizar o conhecimento criando mais oportunidades de aprendizagem. A inclusão social favorecida pela implementação de um ambiente a distância, uniformiza as oportunidades educacionais, tendo em vista que, em alguns casos, os alunos que não tiveram a oportunidade de ter uma educação convencional possam ter com esta nova forma de aprendizagem.

Nesse contexto, pode-se obter uma noção de como a plataforma de ensino escolhida, no caso o Moodle, tem alcançado seus objetivos, provendo assim um aprendizado que mobilizem os estudantes a gerar significados tendo como finalidade melhorar a construção de conhecimento autônomo e de colaboração.

Para um maior aprofundamento do tema, será necessária uma avaliação da Plataforma Moodle no ensino à distância como objetiva o artigo. Serão avaliados, comparados e analisados os dados obtidos em dois ambientes educacionais, sendo um particular e outro público, através de um questionário aos alunos usuários da plataforma, verificando a comunicação entre colaboradores e a acessibilidade e funcionalidade dos componentes existentes.

2.Ambiente Virtual de Aprendizagem Moodle.

Desenvolvido pelo australiano Martin Dougiamas em 1999 e disponibilizado atualmente em 90 idiomas em mais de 206 países, o Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA) Open Source Moodle (Modular Object Oriented Distance Learning - Objeto Modular Orientado ao Ensino a Distância) é utilizado por instituições de ensino em todo o mundo por ser um ambiente que não só trata a aprendizagem como uma atividade social, mas focaliza a atenção na aprendizagem que acontece enquanto construímos ativamente artefatos (como textos, por exemplo), para que outros os vejam ou utilizem. [DOUGIAMAS, Wikipédia, ?]

Uma vez familiarizados com o ambiente, os alunos passam a explorar as ferramentas disponíveis (tais como Fórum, Biblioteca, Tira-dúvidas, Chat, FAQ, Bibliografia, Arquivos para download, mural de avisos, etc.), adquirindo uma visão geral do funcionamento da plataforma. [HAGUENAUER ,2006]

2.1.Tecnologia e Aprendizado.

O grande desafio que se impõe hoje à universidade e à educação em geral se encontra na compreensão da profunda mudança do universo do conhecimento, que potencializado pela revolução tecnológica tem alterado de modo significativo as formas de ensinar e de aprender. [FELDMANN, 2005]

Com o advento da Internet, redes de alta velocidade, videoconferências, telecomunicação, teleconferências, o conceito de presencialidade muda na medida em que essas tecnologias de comunicação virtual avançam, colaborando na aprendizagem. Pois o que antes não era possível ou viável, como um professor participar de outra aula em um lugar distante, por meio de voz, áudio e vídeo, agora é possível.

Muitos são os benefícios que as tecnologias que propiciam a comunicação virtual oferecem a educação à distância. Mas para um bom aprendizado não basta só ter estes recursos tecnológicos disponíveis, é preciso que o curso seja bem projetado e executado. Assim ao mesmo tempo em que o aluno tem mais liberdade de desenvolver seus estudos mediante a flexibilidade do tempo, tem mantido a garantia de interatividade com professores e alunos, sendo evitado o isolamento e fortificando uma aprendizagem colaborativa.

2.2.Moodle e Aprendizagem

É importante compreender que a plataforma Moodle é um "Ambiente Colaborativo de Aprendizagem" cujo conceito evoca o lugar onde a aprendizagem ocorre. Envolve um contexto mais amplo que puramente a utilização de tecnologia, que possibilita que se compartilhem ações com as quais todos atuam simultaneamente como professores-aluno [FRANCIOSI, 2003].

O processo de construção do conhecimento em um ambiente colaborativo de aprendizagem centra sua abordagem no papel ativo dos participantes dentro de um processo de reflexão na ação, interatividade e colaboração feita entre os envolvidos de modo a desenvolver uma aprendizagem significativa.

2.3.Características relevantes a escolha da Plataforma Moodle

O emprego de software livre na educação é uma alternativa imprescindível a qualquer projeto educacional, tanto no setor público como privado. Fatores tais como liberdade, custo, flexibilidade são estratégicos para a condução bem sucedida de projetos educacionais mediados por computador. Para o setor educacional, muitas vezes carente de recursos, o software livre é uma alternativa viável e que deve ser considerada seriamente. [ALMEIDA, 2002].

Dentre as inúmeras pesquisas feitas em relação à comparação das diversas plataformas Open Source disponibilizadas, a plataforma Moodle se destaca das demais por ter dentre as principais características não somente a adaptabilidade e a usabilidade, mas também pela sua por não possuir qualquer custo na aquisição ou licenças, e por poder se usada em qualquer sistema operacional.

O Moodle, além de ser uma das melhores e mais usadas plataformas virtuais de aprendizagem, tem como destaque suas ferramentas de comunicação, criação e administração de componentes de aprendizagem, podendo serbaixado,utilizadoe/oumodificadoporqualquerindivíduoemtodoomundoe de amplos conceitos didáticos, contribuindo não somente a EAD como também ao ensino presencial.

3.Metodologia

Para realizar a pesquisa deste Artigo, foram avaliados um total de 15 alunos do curso de Administração a Distância da Universidade de Brasília (UnB) e 10 alunos do curso deFormação de Tutores em EAD  do instituto EADVirtual.

Para este trabalho de pesquisa foi aplicado um questionário aos alunos das duas instituições de ensino. O questionário continha questões objetivas e subjetivas referentes ao uso da Plataforma Moodle e a escolha do Ensino a Distância, possibilitando diversos tipos de respostas.

4.Resultados e discussão

Primeiramente é importante observar que os alunos avaliados na pesquisa estão na faixa etária entre 24 e 50 anos, sendo que 40% são casados e 30% são mulheres, e que moram em diversas regiões do Brasil.

Foram avaliados diversos componentes dessa plataforma que contribuíssem para o aprendizado dos alunos, dentre eles o uso do chat, wiki, fórum, glossário e recursos, e características quanto à funcionalidade, acessibilidade e o grau de aprendizado.

Quanto à escolha do curso, os alunos da UnB e EADVirtual destacaram como principais vantagens de se estudar a distância o gerenciamento do tempo, custo financeiro mais vantajoso, liberdade de escolha do local de estudo. Em relação ao grau de satisfação na escolha da modalidade à distância, ficou constatado que é muito alto nas duas instituições, como é mostrado no Gráfico 1.

alt

Gráfico 1  Grau de satisfação em relação à escolha da modalidade à distância

Um dos aspectos mais importantes destacado na pesquisa foi o fato dos alunos da EADVirtual possuir mais computadores próprios que os alunos da UnB e que os locais de maior acesso a Plataforma Moodle são a Casa e o Trabalho pelo motivo de que passam a maior parte do tempo nesses locais. Os resultados são mostrados nos Gráficos 2 e 3.

alt

Uma das características muito importante relatada por todos os alunos avaliados foi quanto à navegação e acessibilidade, que foi qualificada como muito boa, rápida e agradável.

Dentre outras características avaliadas pelos alunos da UnB e EADVirtual, destacam-se os componentes da plataforma e suas funcionalidades, que colaboram para um bom aprendizado. A ferramenta assíncrona mais usada foi Fórum, seguida de Tarefas. O resultado foi dado sobre o número real de alunos (10 alunos EADVirtual e 15 alunos UnB), podendo ser escolhidas mais de uma opção. Como está exposto no Gráfico 4.

alt

Gráfico 4  Componentes que mais contribuem para a aprendizagem.

Os Gráficos 5 e 6 mostram os resultados referentes ao aspecto da interatividade Aluno/Aluno e Aluno/Professor, que melhor contribuem para o aprendizado e constatou-se que há maior interatividade entre Aluno/Aluno que Aluno/Professor nas duas instituições. Relatos desses alunos informam que a interatividade Aluno/Professor não tem alcançado o objetivo principal do curso que é a troca e recebimento de informações, sendo uma causa de desistência do curso.

alt

Gráfico 5  Dados referentes a interatividade Aluno/Aluno que contribui para o aprendizado

alt

Gráfico 6  Dados referentes a interatividade Aluno/Professor que contribui para o aprendizado

Para melhor embasar a pesquisa foram feitos questionamentos aos alunos, confirmando ao que foi informado anteriormente, sobre a ferramenta que mais contribui para o aprendizado que foi o Fórum. Foram coletadas as seguintes opiniões: "Através dele, leio o que os colegas colocam a respeito de determinado assunto em complementação ao material específico do assunto já lido." (Aluna da EADVirtual); "São propostas discussões bem direcionadas sobre os conteúdos ministrados. É possível, ainda, a interação com os demais colegas, complementando, divergindo e inovando os conceitos e entendimentos." (Aluno da UnB); "Gosto do fórum pela possibilidade de avaliar e ser avaliado sobre um determinado tema, por meus colegas. E também é uma ferramenta que me faz aprender mais do que qualquer outra." (Aluna da UnB).

E quanto à opinião de como o Moodle pode contribuir para o aprendizado foi dito o seguinte: "É um ambiente que não necessita ser um profissional em informática, pode ser acessado em qualquer lugar sem dificuldades e sem programas extras, tem uma interface fácil de estudar dentre outras prerrogativas positivas que encontramos quando comparamos as outras plataformas". (Aluno da UnB).

Sendo o AVA moodle reconhecido como um excelente e importante instrumento na EAD, permitindo uma contribuição cooperativa de interação ao aprendizado, constatou-se juntos aos alunos das duas instituições pesquisadas, que pode ser implementadas melhorias em sua funcionalidade, como mostra a Quadro 1.

Quadro 1 - Melhorias apresentadas pelos alunos

EADVirtual

·Ainda não consigo ver claramente o contexto total. Talvez um organograma de atividades poretapas.

Universidade

de

Brasília

·Ferramentas que possibilitem o maior controle do aluno sobre o seu aprendizado.

·Sim, sobre as dúvidas postadas, os tutores demoram demais para responder. Por exemplo, temos fóruns, atividades e questionários semanalmente. Postei uma dúvida em 02/03/09, referente ao conteúdo que não estamos conseguindo abri-lo e até hoje 05/03/09, se quer temos uma resposta do tutor, o prazo para estas tarefas é 08/03/09. Os tutores deixam muito a desejar

·Vídeo aulas, de preferência ao vivo

5.Conclusão

É certo que a Educação à Distância não é uma prática educativa nova, mas ultimamente seus diversos aparatos tecnológicos tem propiciado um grande auxílio a educação. A Internet foi, com certeza, a principal ferramenta no auxílio ao ensino e suas principais vantagens são a interatividade entre pessoas e um excelente meio de propagação de conhecimento, possibilitando assim uma forma de democratizar o ensino.

O AVA Moodletem sido um grande instrumento de inclusão no aprendizado por ser um ambiente colaborativo que não só utiliza a tecnologia puramente, mas possibilita a interação entre os envolvidos e compartilhamento de conhecimento através de seus componentes.

Segundo a análise feita através do instrumento de pesquisa aplicado como ferramenta de avaliação se mostrou válido, pois foi possível, através do mesmo, realizar a análise e avaliação do aprendizado no ensino a distância com o advento do AVA Moodle, utilizado em duas Instituições de Ensino. Foi possível compreender as necessidades dos alunos elucidando possíveis melhorias nas opiniões descritas.

Em relação ao grau de satisfação, quanto à escolha da modalidade de ensino a distância, foi considerado alto (80% a 90%) nas duas instituições. É certo afirmar que os alunos da instituição federal são os que mais possuem computador e o local de mais acesso é em sua grande maioria feita em suas residências, pelas duas instituições.

Os componentes funcionais relacionados na pesquisa que mais contribuem para o aprendizado na plataforma Moodle foram o Fórum e Tarefas nas duas instituições, sendo que as outras ferramentas tiveram um bom grau de avaliação, pois foi possível escolher mais de uma opção.

Outro importante aspecto avaliado foi a interatividade entre principais envolvidos no processo de aprendizagem que são Alunos e Professores. É importante salientar que o de interatividade nesse processo de aprendizagem contribui muito para um bom desempenho do aluno, e que como foi verificado na pesquisa a interatividade aluno/aluno se mostrou mais eficiente em relação a de aluno/professor o que é uma das causas da desistência em muitos cursos.

O AVA Moodle é sem dúvida um importante e valioso instrumento para a educação a distância, contribuindo para um aprendizado interativo e cooperativo, mas ficou constatado nas duas instituições que há possibilidades de melhorias. Ficou evidenciado, que para uma boa formação integral, a necessidade de inclusão de ferramentas de controle do aluno sobre o seu aprendizado, de um organograma para melhor visualização do contexto total, vídeos ao vivo de preferência ou Webconferência, e um maior controle do professor sobre os questionamentos feitos no Fórum, sendo breve sua resposta, tudo isso visando conquistar e ampliar a uma maior utilização ambiente Moodle.

6.Referências Bibliográficas

ALMEIDA, Rubens Queiroz de. Software Livre na Educação. In Boletim EAD. Campinas: UNICAMP, 2002. Disponível em: . Acesso em: 11 jan. 2009.

FELDMANN, Marina G. (org.). Educação e Mídias Interativas: Formando Professores. EDUC, 2005. Edição 1, p. 09-19.

FRANCIOSI, B.R.T.I.; MEDEIROS, M. F.; COLLA, A. L. Caos, Criatividade e Ambientes de Aprendizagem. In: MEDEIROS, Marilú F.; FARIA Elaine T. (Orgs.). Educação a Distância  Cartografias Pulsantes em Movimento. EDIPUCRS. Cap. 7, p. 129-149. 2003.

HAGUENAUER, C.J.; NOGUEIRA, F. Avaliação em Educação Apoiada por Ambientes Virtuais de Aprendizagem; Anais XI Encontro de Didática e prática de Ensino 2004  Editora ENDIPE; Curitiba; v. 1; Fascículo:1; Série:1. 2004.

MOODLE.ORG. Estatísticas Moodle. Disponível em . Acesso em: 10 abr. 2009

WIKIPÉDIA. Moodle. ?. Disponivel em . Acesso em: 10 mar. 2009.

 
Avalie este artigo:
5 voto(s)
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
Graduada em Tecnologia em Processamento de Dados na Faculdade AD1 e Especializada no curso de Pós-Graduação em Software Livre na Faculdade Fortium de Brasilia.
Membro desde julho de 2009
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: