Às vezes a vida cria disfarces para nos testar e medir o nível da nossa evolução e maturidade. E essas ilusões vem disfarçadas em forma "amorosa" e "esperançosa", como que se carregassem nos olhos tudo aquilo que sempre quisemos ter e viver. Mas geralmente como já estamos envolvidos e perdidos nesse oceano de promessas e falsas expectativas não temos mais a capacidade e o discernimento de ver o trivial, como as coisas realmente são, como as pessoas nos trataram, como fomos usados para fazer um papel na história dos outros, e pior, um papel enganoso, onde fomos o tempo todo enganados por momentos que se apagaram e deixaram marcas e cicatrizes dolorosas, que nos machucaram e machucarão ainda por muito tempo... Mas como fazer para sair desse ciclo vicioso, se toda vez que aquela pessoa do passado está presente, deixa aquela falsa impressão de que ainda teremos um futuro juntos. Não vai acontecer! É mais um truque de ilusionismo que a vida te apresentou. É mais uma rasteira porque todo mundo sabia que ia ser assim, então, por que você ainda cai? Porque as pessoas estelionataram teus sonhos, tuas razões e tuas emoções mais sinceras. Levaram muito de você, mas você custa a crer que seja assim mesmo. Se bobear, ainda sente compaixão pelo teu sequestrador. Mas não é culpa sua. A não ser que você deseje e queira de coração, aí é o caso de buscar ajuda profissional. Caso contrário, caso você sinta que quer romper esse vínculo criado para te prender e te manter em cativeiro, você pode! Se quer mesmo abrir os olhos, jogue fora os óculos obscuros que puseram em você. Arranque essas algemas, grite, peça ajuda aos que te amam sem interesse algum, procure quem te ama mesmo quando você não tem nada a oferecer, pelo simples fato de ser você mesma. Tua essência não pode sofrer estelionato de ninguém. Podem roubar teu dinheiro, mas tua alma não. É a partir daí que pensará numa forma justa e direta de reaver o que é teu na vida. Teus desejos, sonhos, tua vontade de se bastar feliz e plena consigo mesma. Ouve menos as vozes que te dominaram e te usurparam e presta mais atenção a quem preferiu estender a mão e faz do coração uma ponte de extensão acolhedora e carinhosa para você, só por você, porque você é capaz de cativar só com teu sorriso e bom coração. Não se torne no erro que cometeram contigo, dá um basta nisso que é tão antigo e já quebrou faz muito tempo. Não caia mais nas ilusórias promessas que não te levarão para lugar algum. Dê um tempo para si mesma, para pensar, refletir e reconduzir tua vida para o rumo que tem que ser... As máscaras já caíram, os panos dos disfarces não existem mais. Mas você está de pé! Você está lutando para ter outra vez um grande futuro, e agora sabe que velhos caminhos não te levarão até lá. Busca então a tua luz, não se encante por falsos brilhos e cultive tuas qualidades para enfrentar esse pós sequestro. O cativeiro não existe mais, foi uma criação do ego daquele sequestrador que tentou aprisionar você pelo resto da vida. Perdeu! Ele perdeu. E não é você quem vai pagar essa conta que é dele. Pelo contrário, o Universo vai realinhar tudo e vai te devolver tudo, a começar pela tua personificação de mulher. Pare, reflita, leia, releia, pense, coloque isso na cabeça e volte a sorrir com leveza, porque tua felicidade é teu caminho a ser retomado.