De repente o silêncio toma conta de você. Simplesmente você pára, olha, pensa, reflete e chega a algumas conclusões. Que você não doou tanto amor quanto gostaria de receber, e por isso mesmo o amor não aconteceu na tua vida. Você não viveu o amor. A ponte está inacabada. Que ser diferente não tornou a vida mais alegre e colorida, pelo contrário, trouxe angústia, pesou muito a caminhada. E através destas e outras duras lições você sentenciou quem você foi, quem você tem sido, mas ainda não descobriu quem você pode se tornar. Tuas atitudes falaram baixo demais. Dói sentir-se inútil por fazer algo e não ter repercutido qualquer significado para os outros? A verdade, talvez a tua verdade, é a de que não haverá vida decente sem amor, que pauta você, que define tua personalidade. Isso sim causa dor, porque a verdade é que quanto mais o tempo passa mais as pessoas vão se afastando (ou você vai afastando elas), mais você vai se entregando a solidão, vai se fechando nessa dor que não cicatriza mais e que sangra a cada queda, que abre as feridas a cada sentimento doado e rejeitado. Ignorado. Prostrado. Sufocado. Encarcerado. No fim disso tudo ficará o que? Você... Talvez você ainda não tenha se dado conta de que ninguém sentirá essa dor, compreenderá essa solidão, estenderá a mão, ou prestará atenção em você. Por isso mesmo, enquanto você achar que há no mundo alguém olhando com predileção dentro dos teus olhos (o mais que conseguem é olhar em volta da tua vida e não sentirem nada além de repulsa, de asco, de medo, de muito medo do envolvimento)... Enquanto isso a vida vai passando, o tempo vai esmagando teu coração, vai secando teus sentimentos, vai sepultando a tua alma em vida e vai desconstruindo, vai derrubando um monumento sentimental em poeira... A mesma poeira acumulada que causou sujeira aos teus olhos, sujeira aos olhos dos outros, enfim, a sujeira que se tonou viver sem amor... Por isso o silêncio... Para quem sabe você rever tudo isso e buscar um novo caminho, com um passo de cada vez...

 

Com vídeo da música Hurt – Nine Inch Nails – http://youtu.be/AvJKVKglIRs