O TSE vem de divulgar planilhas atualizadas sobre o atual pefil do eleitorado brasileiro. Ao estudar alguns aspectos desses dados, e compará-los aos dados do primeiro semestre de 2012 (para os quais na época fizemos um pequeno sistema de visualização: www.inicio.com.br/default.asp?ele=1) observamos várias e importantes diferenças.

Essas diferenças foram atribuídas (em entrevistas de autoridades do TSE) não apenas a diferenças metodológicas havidas desde então (como o recadastramento biométrico) mas também a efetiva variação na demografia do país.

Para estudar esses dados, e essas diferenças, atualizamos nosso sistema original para incluir os novos dados de junho de 2016 publicados pelo TSE. A seguir apresentamos alguns interessantes dados e variações neste período, na cidade do Rio de Janeiro.

 

[...]

Revisado por Editor do Webartigos.com