A PRÁTICA DA TUTORIA, COM FOCO NA IMPORTÂNCIA DO PAPEL DO TUTOR PARA CURSOS A DISTÂNCIA, IDENTIFICANDO AS SUAS PRINCIPAIS FUNÇÕES

Alessandra Aparecida da Silva[1] 

Resumo: 

Atualmente a educação a distância transfigura-se desafiadora na formação de milhares de estudantes distribuídos geograficamente, por possuir condições de ofertar acesso igualitário a um maior número de estudantes aos cursos na modalidade online, que muitas vezes, seriam inacessíveis pela indisponibilidade de tempo e demais recursos. Este artigo tem por objetivo fazer uma discussão sobre as principais funções das práticas das tutorias, no que tangem a importância do tutor para cursos à distância. A disposição para o aprendizado em cursos online não depende da idade, mas das condições de aprendizagem, assimilação e o acompanhamento do tutor online. Esse trabalho demonstra a importância do profissional tutor em cursos online, difundindo que o seu papel não é secundário e que transcende a docência pratica em cursos presenciais, com a aplicação de ações como saber ouvir e mediar situações de dúvidas ou conflitos, intermediar ações entre a instituição de ensino e os estudantes, promover e estimular o autoestudo, entre outras ações aqui citadas.

 

Palavras-chave: Educação a distância. Tutor. Funções do tutor virtual.

 

 

Abstract:

 

Currently, distance education is challenging in the training of thousands of geographically distributed students, as it has conditions to offer equal access to a greater number of students to online courses, which would often be inaccessible due to the unavailability of time and other resources . This article aims to discuss the main functions of tutoring practices, regarding the importance of the tutor for distance learning courses. The willingness to learn in online courses does not depend on age, but on the learning conditions, assimilation and monitoring of the online tutor. This work demonstrates the importance of the professional tutor in online courses, spreading that their role is not secondary and that it transcends practical teaching in on-site courses, with the application of actions such as knowing how to listen and mediating situations of doubt or conflict, mediating actions between educational institution and students, promote and encourage self-study, among other actions mentioned here.

 

Keywords: Distance education. Tutor. Virtual tutor functions.

 

 

 

1 Introdução 

A educação presencial, é considerada a modalidade de ensino mais tradicional, que acontece ao mesmo tempo e espaço tanto para professores como também para os alunos. Com horários matutinos, vespertinos ou noturnos pré-definido, professores e alunos se reúnem todos os dias letivos de forma presencial, em salas de aulas ou nas demais dependências das instituições de ensino.

Em contrapartida, a educação a distância torna-se desafiadora na formação de milhares de estudantes todos os anos, por possuir condições de ofertar acesso democrático a um maior número de alunos aos cursos online, que muitas vezes, seriam inacessíveis pela indisponibilidade de tempo e demais recursos.

As instituições de ensino devem se apropriar da modalidade de ensino a distância, de forma que elas assumam características culturais da educação presencial, agregando ferramentas tecnológicas e técnicas para ensinar, avaliar e certificar os estudantes. Esse tipo de modalidade de educação a distância, também é caracterizada por sua condição de permitir que o aluno desenvolva autonomia de gerenciamento de estudos.

Essa autonomia de gerenciamento de estudos é efetiva quando os estudantes desenvolvem hábitos relativos ao seu estudo, adequando suas atividades pessoais e profissionais com o tempo destinado à sua interação autônoma ao ambiente virtual.

A falha na gestão de estudos pode tornar-se um fator dificultador para a permanência do aluno em um curso online, sendo responsabilidade das instituições de ensino adotarem estratégias que venham a minimizar tal situação desmotivação que pode gerar até a evasão do estudante. A evasão em um curso online, pode possuir indicadores relacionados a falta de contato físico, a ausência de disciplina para gestão do tempo, a incapacidade de entendimento de conteúdos e atividades propostas.

Assim, o acompanhamento do aluno e a identificação das variáveis que desmotivam e proporcionam a evasão, são fundamentais para a motivação, a permanência e a conclusão de cursos online. Nessa ótica, aparece a necessidade de atuação do profissional de educação a distância: o tutor, que segundo Bernardino (2011, n.p.) “é o profissional capaz de lidar com os mais diversos tipos de alunos, por possuir características éticas e psicológicas como empatia com os alunos, habilidade de mediar questões, como também a capacidade de ouvir”. Essas características permitem que os estudantes sejam estimulados e motivados a desenvolver uma aprendizagem autônoma.

Para corroborar com o sucesso da educação a distância, é necessário nortear o trabalho dos tutores-professores através de alguns pressupostos como: a compreensão que os conhecimentos não são verdades inquestionáveis, a necessidade de papel ativo do aluno nas situações de ensino aprendizagem, o envolvimento efetivo dos estudantes com seus pares nas relações de ensino aprendizagem para desenvolvimento de atividades em grupo, o desenvolvimento da autonomia do aluno, a valorização da diversidade cultural, a busca de novos softwares educativos, que atendam as demandas em EaD e que promovam a qualidade e a sua proposta de democratização (Grossi et al., 2013, p.664).

Nesse sentido, este artigo tem por objetivo fazer uma discussão sobre as principais funções das práticas das tutorias, no que tangem a importância do tutor para cursos à distância, conforme Bernardino (2011, n.p.) “o tutor tem inúmeros atribuições, além do seu caráter de educador, deve possuir competências técnicas, gerencias e pedagógicas que são necessárias aos cursos de educação a distância”.

Para tanto, pretende-se apresentar o trabalho do tutor na educação a distância e suas principais funções e atribuições nas relações entre o professor e os estudantes.

2 O papel do tutor na educação a distância: funções e atribuições

 

A disposição para o aprendizado em cursos online não depende da idade, mas das condições de aprendizagem, assimilação e o acompanhamento do tutor online, que seleciona métodos e técnicas apropriadas para a sua prática de tutoria, considerando seu público, conforme Reis e Battini (2019, p.561) “o tutor participa efetivamente na prática pedagógica do estudante, contribuindo para o processo de ensino e aprendizagem, no acompanhamento do estudante e na avaliação do projeto pedagógico”.

O estudante da atualidade é um nativo digital, não lhe basta ter um computador conectado na internet, mas sim ter acesso contínuo a ela, e através dela, propagar a sua sociabilidade e acessibilidade com outros tipos de recursos didáticos ou não, utilizando-se do que o ciberespaço pode oferecer.

A aprendizagem na educação a distância decorre das relações sociais com trocas contínuas de informações que expressam conceitos entre os atores desse processo (Grossi et al., 2013, p.662), sendo assim também é papel do tutor, ensinar o estudante a se movimentar na cultura digital, para criar a sua identidade e seus vínculos nesse universo online.

Um estudante que escolhe a modalidade online de ensino, no decorrer do curso deve apresentar competências e habilidades de gerenciamento do tempo, autonomia, proatividade para efetuar pesquisas complementares, desinibição para solicitar auxílio quando necessário, evitar a procrastinação de atividades entre outras.

Nas instituições de ensino que ofertam cursos na modalidade a distância, o trabalho da tutoria acontece de forma individualizada ou coletiva (Reis e Battini, 2019, p.566). Esse modelo de trabalho é projetado pelas instituições de ensino, conforme as suas métricas de qualidade e avaliação da aprendizagem.

 Segundo Reis e Battini (2019, p.567), “o atendimento individualizado promove sentimentos de acolhimento, inserção no curso e no ambiente online”. O atendimento ao estudante não precisa ser presencial para ser efetivo, pois não se pode afirmar que um aluno presencial possui sentimentos de acolhimento e pertencimento do curso que estuda. Mais importante do que simplesmente disponibilizar as ferramentas é utilizá-las de forma coerente, eficiente e consciente.

 

2. 1 A prática da tutoria e suas principais funções

 

 Com um papel fundamental no acompanhamento do estudante no Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), o tutor é o profissional responsável em sanar as dúvidas e dificuldades encontradas pelos estudantes.

O atendimento ao aluno, deve ser abordado através das vertentes administrativa e pedagógica, onde a primeira é um apoio acadêmico, por exemplo da secretaria, e a segunda é amparo pedagógico da tutoria, pois é notável a importância do papel didático-pedagógico do tutor no que se refere ao acompanhamento, na orientação e motivação dos estudantes e no estímulo constante deles.  Em relação atribuições da tutoria posso destacar:

 •         Conciliar a metodologia de trabalho desenvolvida pela instituição de ensino com o desenho pedagógico do curso online.

•          Realizar a mediação das aulas interativas ou em streaming live (ao vivo).

•          Responder às questões sobre a instituição, intermediando entre a mesma e os estudantes.

•          Orientar o desenvolvimento das atividades no AVA, sejam elas atividades assíncronas ou síncronas. As atividades assíncronas, são aquelas onde os estudantes desenvolvam suas atividades em qualquer horário conforme a sua gestão de tempo e autoestudo, como por exemplo, fórum. Diferentemente das atividades assíncronas, as atividades síncronas são aquelas onde existe a participação do estudante e do professor no mesmo dia e horário no ambiente virtual, como reuniões via transmissão online ou chats.

•          Fomentar a construção coletiva do conhecimento, através da formação de grupos de estudo.

•          Fomentar o autoestudo, o acesso aos materiais de apoio e auxiliar na compreensão dos materiais disponíveis do curso, seja por meio de explicações ou discussões.

•          Estimular a participação dos alunos em todas as atividades propostas no AVA, supervisionando os trabalhos práticos.

•          Dominar os regulamentos que normatizam as atividades propostas no AVA.

•          Aplicar e corrigir avaliações e atividades através da utilização de gabaritos, fazendo devolutivas, ou seja, comentários dessas atividades.

•          Registrar, se solicitado, as atividades no sistema acadêmico.

Além dessas atribuições, um tutor, deve estar sempre preocupado com a sua atualização profissional no que se refere as ferramentas disponíveis no AVA para comunicação e colaboração no ensino aprendizagem do estudante, como afirma Santos da Silva (2013, p.70) “sem profissionais qualificados, a probabilidade de erro amplia-se, inviabilizando qualquer iniciativa em EAD. Assim, todos os profissionais que atuam na modalidade devem estar devidamente capacitados para atuarem nos projetos”.

 

3 Considerações Finais

 

Este artigo discutiu a prática da tutoria, demonstrou a sua importância e suas principais funções em um curso online. O estudante deve apresentar competências capazes de gerir a sua aprendizagem de forma autônoma, escolhendo quando e onde irá estudar, em paralelo, a interação do tutor é fundamental, em todas as etapas do seu processo de ensino aprendizagem.

O tutor deve saber ouvir e mediar situações de dúvidas ou conflitos, intermediar ações entre a instituição mantenedora do curso online e os estudantes, promover e estimular o autoestudo entre outras ações neste artigo citadas.

O trabalho do profissional tutor em cursos online, transcende a docência praticada em cursos presenciais, valorizando sempre a interação e o acolhimento com o estudante.

 

4 Referências Bibliográficas

 

Bernardino, H. S. (2011). A tutoria na Ead : Os papéis, as competências e a relevância do tutor. Revista Científica de Educação à Distância. https://periodicos.unimesvirtual.com.br/index.php/paideia/article/download/166/171

Grossi, M. G. R., Costa, J. W., Moreira, M. M. (2013). O papel do tutor virtual na educação a distância. Educação. https://periodicos.ufsm.br/reveducacao/article/view/6656/pdf

Reis, S. R. dos, Battini, O. (2019). O TRABALHO DO TUTOR NA EAD: FUNÇÃO, ATRIBUIÇÕES E RELAÇÕES ENTRE O PROFESSOR E O ALUNO. Em Rede: Revista de Educação a Distância. https://www.aunirede.org.br/revista/index.php/emrede/ article/view/372/402

Santos da Silva, R. (2013). GESTÃO DE EAD Educação a Distância na Era Digital. 1st ed. São Paulo: Novatec.

 

[1] Graduação Bacharel em Ciência da Computação pela Universidade de Mogi das Cruzes. Especialização em Gestão do Trabalho Pedagógico Supervisão e Orientação Educacional pelo Centro Universitário Internacional - UNINTER. MBA em Gestão de Projetos e Processos Organizacionais (EaD) pelo Centro Estadual de Educação Tecnológica Centro Paula Souza – CEETEPS e Faculdade de Tecnologia de São Paulo – FATEC. Mestrando em Tecnologias Emergentes em Educação pela Must University. E-mail [email protected]