Uma reflexão sobre a globalização e a difusão cultural.
 
Uma reflexão sobre a globalização e a difusão cultural.
 


Entende-se por difusão cultural como sendo o processo de propagação de elementos de uma cultura para outra, encontrando no contato o fator indispensável para essa dinâmica. No entanto esse processo não ocorre de forma homogênea e nem regular, pois depende de elementos que possam proporcionar a relação entre os agentes culturais. Em se tratando desses elementos, podemos citar o determinismo geográfico e o avanço tecnológico dos meios de comunicação, que a partir da globalização se desenvolveu com mais intensidade.
Como já foi abordado, o contato é o fator principal dentro o processo de difusão cultural, pois ele disponibiliza a uma sociedade ou grupo cultural, o conhecimento referente aos elementos que compõe a cultura do outro. O determinismo geográfico proporciona um processo de difusão entre grupos os culturais pertencentes a um mesmo espaço geográfico, onde o grupo que se encontra mais próximo ao ponto de origem a um determinado traço cultural está mais receptível ao processo de difusão.
No entanto com o desenvolvimento tecnológico dos meios de comunicação, que em conseqüência disso gera uma grande velocidade na propagação das informações, vem possibilitar um maior contato entre as sociedades, sem que estas possam estar ligadas pelo espaço geográfico, um exemplo a que podemos citar para melhor entender essa dinâmica foi à tragédia ocorrida no Rio de Janeiro, onde um jovem com características típicas de um terrorista extremista do Oriente Médio entrou em uma escola, e em uma atitude insana alvejou dezenas de crianças, evento não muito comum a cultura brasileira, mas que de uma certa forma foi propiciado pela globalização, que elimina com as barreiras geográficas através dos meios de comunicação.
A difusão cultural é um dos fenômenos que mais chama a atenção dos antropólogos na atualidade, pois se torna cada vez mais raro a existência de grupos isolados, como diz MELLO:

"Não pode haver difusão de elementos de uma determinada cultura se ela for completamente isolada. Por outro lado, o não isolacionismo é uma tendência encontrada em todas as sociedades até hoje conhecidas. São imemoráveis as noticias de contatos entre os povos. (Mello - 1987)
Mello reafirma que a difusão cultural não pode haver sem que haja um contato, no entanto a aceitação e a assimilação dos elementos que compõe a cultura do outro é relevante a vontade do indivíduo, podendo ele adotar ou não os aspectos culturais tidos em questão.
Segundo Lowie existem os centro de difusão, que servem para identificar os pontos de origem de determinado traço cultural, no entanto a complexidade ocorre em demonstrar o direcionamento de um determinado traço, devido a isso os antropólogos buscam demonstrar esses fenômenos de forma separada: O Fenômeno do Paralelismo e o Processo de Aculturação.
O Fenômeno do Paralelismo refere-se a invenções ou inventos ligados a grupos culturais relacionados ou paralelos, esse processo busca explicar a origem de expressões populares, ditados e provérbios, através de pesquisas sobre as tradições orais, no entanto a complexidade nos leva a um estudo voltado para história de uma determinada cultura, a exemplo a cultura brasileira --, que em sua formação cultura recebeu a influência de vários grupos culturais, tais como portugueses, franceses, italianos, africanos e isso se comprova em vários setores da cultura brasileira, porém são nas expressões populares onde surgem as mais
diversas dúvidas a respeito do ponto de origem, vejamos alguns exemplos:
- Filhos criados, trabalhos dobrados (corresponde também a espanhóis e italianos);
- Nada como um dia após o outro (há correspondente no espanhol);
- Descobri um santo para cobri outro (correspondente no francês);
Como vimos através dos exemplos acima citado o processo de difusão demonstra algumas complexidades no que desrespeito as semelhanças entre culturas, porém esse processo obedece a uma dinâmica que pode ser explicada através de um fenômeno que ocorre dentro do processo de difusão cultural, nesse caso referimo-nos ao Processo de Aculturação.
Com base nos estudos de Herskovits o conceito de aculturação pode ser definido como: "Em resumo, por conseguinte, a difusão, nesses termos, é o estudo da transmissão cultural consumada; enquanto que Aculturação é o estudo da transmissão cultural em andamento".
Na citação de Herskovits o processo de aculturação está relacionado à fase posterior ao contato, onde o grupo social está assimilando os aspectos culturais do outro, valendo lembrar que o Processo de Aculturação difere do Processo de Endoculturação, onde o primeiro está lidado ao individuo, enquanto o segundo refere-se à coletividade. Desse modo podemos dar como exemplo o processo de aculturação indígena no Brasil, pois em relação a outros elementos culturais que também fizeram parte da formação cultural brasileira, a exemplo dos portugueses e africanos, que de certa forma foram assimilados pela cultura brasileira, a cultura indígena não teve o mesmo foi tão assimilada, pelo contrario o contato com os brancos acarreta vário problemas, que podem até levar a extinção da cultura indígena.
No entanto esse processo de aculturação é muito relativo, pois mesmo havendo o contato entre grupos culturais distintos, muito desses grupos acabam criando características próprias, impulsionadas pelo espaço geográfico, pelas atividades exercidas cotidianamente e principalmente pelas relações sociais que são criadas nesses locais, a exemplo disso podemos citar o estudo realizado por BORGES sobre os ribeirinhos do Pantanal, que mesmo sendo um grupo social que se localiza em meio ao Pantanal, e que pertence a uma região de maior desenvolvimento, que é a cidade de Cuiabá, capital do Estado do Mato Grosso, acaba por criar seus próprios traços culturais, relações sociais e regras a partir das limitações impostas pelo ambiente territorial habitado por aqueles nativos, que boa parte do ano tem que conviver em áreas alagadas.




 
Avalie este artigo:
2 voto(s)
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Wandson Ueta
Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
Licenciado Pleno em História pela Faculdade de Itaituba-FAI e Pós-graduando em Gestão ambiental e Ecoturismo, pela Faculdade do Tapajós-FAT
Membro desde agosto de 2011
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: