Questões Respondida, "A modernidde e suas Implicações"
 
Questões Respondida, "A modernidde e suas Implicações"
 



1_ Quais as principais características da modernidade?
A etimologia de moderno parece ser o advérbio latino "modo", que significa "agora mesmo", "neste instante", "no momento", portanto designando o que nos é contemporâneo, e é este o sentido que moderno capta, opondo-se ao que é anterior, e traçando, por assim dizer uma linha de divisão entre os dois períodos.
O conceito de modernidade está sempre relacionado para nós ao "novo" àquilo que rompe com a tradição. Trata-se, portanto, de um conceito associado quase sempre a um sentido positivo de mudança, transformação e progresso.
Grandes transformações no mundo europeu dos sécs. XV-XVI como a descoberta do novo mundo (Américas); surgimento de importantes núcleos urbanos em algumas regiões, principalmente na Itália (Florença); desenvolvimento de atividade econômica, sobretudo mercantil e industrial.


2_ Por que a idéia de "modernismo" tem freqüentemente para nós um sentido positivo?
O pensamento moderno talvez seja mais fácil de ser compreendido por nós, pelo fato de estarmos mais próximo dele do que do antigo e do medieval, e por sermos ainda hoje, de certo modo, herdeiros dessa tradição. Por outro lado, às vezes é mais difícil tomarmos consciência e explicitarmos as características mais fundamentais daquilo que nos é mais familiar, exatamente porque nos acostumamos a aceitá-lo como tal. . Uma noção fundamental está, entretanto, diretamente relacionada à modernidade: a idéia de progresso, que faz com que o novo seja considerado melhor ou mais avançado do que o antigo.


3_ O que significa "humanismo"?
O humanismo representa o surgimento de uma nova alternativa de pensamento, um estilo e uma nova temática. O humanismo rompe com a visão teocêntrica e com a concepção filosófico-teologica medieval, valorizando o interesse pelo homem considerado em si mesmo. É a valorização do individuo, ou da subjetividade, como lugar da certeza e da verdade, e origem dos valores, em oposição à tradição, isto é, ao saber adquirido, às instituições, à autoridade externa.


4_ Qual a importância da arte no Renascimento?
Trata-se de uma arte voltada para o homem, o homem comum florentino, artesão, artífice, cidadão, e não o senhor feudal medieval ou o alto dignitário da igreja. É nesse momento que são retratadas pela primeira vez as cenas domesticas e os comerciantes burgueses, patronos dos artistas; os palácios e igrejas inspiram-se nas linhas geométricas da arquitetura clássica. Importância das artes plásticas, retomada do ideal clássico Greco-romano em oposição à escolástica medieval, valorização do homem enquanto individuo, de sua livre iniciativa e de sua criatividade.


5_ Por que Lutero deu inicio à Reforma?
O marco do inicio da Reforma protestante é tradicionalmente o episódio em que Lutero prega nas portas da igreja de todos os santos em Winttenberg suas noventa e cinco teses contra os teólogos católicos da universidade e contra o papa Leão X em Roma (1517). No entanto, podemos considerar a reforma de Lutero o ponto culminante de um processo de contestação dos rumos da igreja católica desde os últimos séculos da idade media. A transferência da sede da igreja para Avignon e a influência dos reis franceses sob os papas durante esse período em muito contribuiu para a sua perda da autoridade. O envolvimento dos papas nas questões políticas da época foi também em fator gerador de conflitos. Além disso, o envolvimento político, a necessidade de manter exércitos e de sustentar os estados da igreja _ os territórios governados pelos papas na Itália _ fizeram com que a igreja necessitasse de grandes recursos financeiros, procurando obtê-los através da venda de indulgencia e de outros favores a quem se dispusesse a paga-los. As obras grandiosas patrocinadas pelos papas do renascimento ilustram bem os custos imensos da igreja nessa época, seu fasto e seu caráter muitas vezes mundano. Em tese, crítica à autoridade institucional da igreja, valorização da interpretação da mensagem divina nas escrituras pelo individuo, ênfase na fé como experiência individual.


6_ Em que sentido a Reforma protestante pode ser considerada parte da modernidade?
A Reforma protestante aparece neste momento como representa da defesa da liberdade individual e da consciência como lugar da certeza, sendo o individuo capaz pela sua luz natural de chegar à verdade (em questão religiosa) e contestar a autoridade institucional e o saber tradicional, posições que se generalizarão além do campo religioso e serão fundamentais no desenvolvimento do pensamento moderno.


7_ Como podemos entender o individualismo em relação ao humanismo renascentista e à Reforma protestante?
A partir da pressuposta defesa da idéia de que a fé é suficiente para que o indivíduo compreenda a mensagem divina nos textos sagrados, a assim chamada "regra de fé" _ não necessitando da intermediação da igreja, dos teólogos, da doutrina dos concílios _, representa a verdadeira defesa do individualismo contra a autoridade externa, contra o saber adquirido, contra as instituições tradicionais, todos colocados sob suspeita. O humanismo renascentista havia colocado o homem no centro de suas preocupações éticas, estéticas, políticas. A Reforma protestante valorizara o individualismo e o espírito crítico, bem como a discussão de questões éticas e religiosas.


8_ Quais as idéias centrais da revolução cientifica moderna?
Rejeição do modelo geocêntrico de cosmo e sua substituição pelo modelo heliocêntrico, noção de espaço infinito, visão da natureza como possuindo uma "linguagem matemática", ciência ativa X ciência contemplativa antiga.


9_ Em que sentido o conceito moderno de ciência difere do antigo?
Uma verifica as hipóteses outra não, é mais contemplativa. Ou, uma é mais qualitativa enquanto outra é qualitativa.


10_ Como podemos entender as mudanças na visão de mundo que ocorrem neste período?
A revolução cientifica pode ser considerada uma grande realização do espírito crítico humano, com sua formulação de hipóteses ousadas e inovadoras e com sua busca de alternativas para a explicação cientifica; porém ao tirar a terra do centro do universo e ao trazer para o primeiro plano a ciência da natureza, se afasta dos temas centrais do humanismo e da reforma, sofrendo em muitos casos a condenação tanto de protestantes quanto de católicos. O homem deixa de ser o microcosmo que reflete em si a grandeza e a harmonia do macrocosmo, as novas teorias dissociando radicalmente a natureza do universo da natureza humana.


11_ Em que medida o contexto do inicio da modernidade é propicio à retomada do ceticismo antigo?
Os céticos se destacaram na antiguidade pelo questionamento das pretensões dogmáticas ao saber e por apontarem a inexistência de um critério decisivo para resolver disputas e conflitos entre teorias e rivais.
É curioso que o ceticismo antigo, tanto em sua vertente pirrônica quanto acadêmica, tenha sido praticamente ignorado no período medieval, e ressurgindo de maneira tão forte no inicio do pensamento moderno, podendo mesmo ser considerado uma das correntes filosóficas mais importantes e influentes da época, com uma contribuição decisiva para a formação desse pensamento, como demonstrou Richard Popkin.


12_ Quais as principais características do ceticismo no inicio do pensamento moderno?
A oposição entre o antigo e o moderno suscita a problemática cética do conflito das teorias e da ausência de critério conclusivo para a validade destas teorias.
 
Avalie este artigo:
(4 de 5)
14 voto(s)
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Silva Da, Benjamin Joseph
Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
Joseph Benjamin, é Cursado em Informática básica e avançado (SECTEC). Cursado em Relações Humanas e Inteligência Emocional (RH) (SBCP). Atualmente está Graduando no curso de Filosofia. ___Não é interesse do autor, neste site "WebArtigos.com", redigir textos quão somente filosóficos. Trata-se de t...
Membro desde outubro de 2010
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: