Quem Sou Eu? (Poesias)
 
Quem Sou Eu? (Poesias)
 


Sou uma criança sem destino
a mulher com desatino
Sou a escrava no tronco
eu sou filha de branco
Sou a carta sem remetente
o poema de amor carente
Sou a especialidade da cozinha
o ''pé '' que não caminha
Sou a vasta solidão
a melodia de uma canção
Sou poderosa e destemida
da dor e a ferida
Sou o remédio e a cura
a paixão e a ternura
Eu sou a natureza
a árvore , a beleza
Sou um terço do amor divino
o futuro do destino
Sou a fertilidade em pessoa
a dona da corôa
Sou ator de hollywood
a piada que confunde
Sou a peca de teatro
a testemunha de um fato
Sou a luxúria e a tentação
os olhos da atração
Sou complicada não perfeita
nem conceito de uma seita
Sou desastre, holocausto,
a estrela ou um astro
Sou um defeito não virtude
mas cheia de atitude
Posso ser uma figura
transferência da beleza pura
posso ser qualquer coisa
só não sou uma tosca
se sou tudo
eu não vou ser teu mundo
 
Avalie este artigo:
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
estudei nas ecolas : professor severino bezerra, 26 de marco e mariana cavalcante , ensino fundamental e madio, magisterio completo...
Membro desde julho de 2009
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: