PLURALIDADE CULTURAL NO ESPORTE NA ESCOLA ESTADUAL PROFESSOR VALNIR CHAGAS: UM ESTUDO DE CASO
 
PLURALIDADE CULTURAL NO ESPORTE NA ESCOLA ESTADUAL PROFESSOR VALNIR CHAGAS: UM ESTUDO DE CASO
 


Mona Lisa Menezes MachadoVilmara Ferreira de AndradeViviane Alves dos SantosDelson Lustosa Figueirêdo

RESUMO

O presente artigo trata da questão relacionada à pluralidade cultural no esporte, diante deste tenta-se explicar a relação que há entre a pluralidade cultural e o esporte, a fim de observar o cotidiano dos alunos que freqüentam o âmbito escolar, para saber como está sendo vivenciada a pluralidade cultural junto aos alunos. O problema resumi-se em saber como a pluralidade cultural faz parte do cotidiano dos alunos que praticam esporte na escola. Justifica-se este artigo pelo fato de analisar a importância da pluralidade cultural, refletir sobre a forma que ela é aplicada, contribuindo para um melhor desenvolvimento e valorizando as diversas culturas, incentivando o próprio conhecimento do aluno no cotidiano escolar. O objetivo focaliza-se em analisar como o tema transversal "pluralidade cultural" é aplicado nas aulas de esporte na escola. A metodologia foi realizada a partir da observação aos alunos da Escola Estadual Professor Valnir Chagas na cidade de Aracaju com aplicação de um questionário, para que fosse alcançado o objetivo proposto ao tema. Concluindo que é importante haver um trabalho de conscientização direcionado aos professores em formação e mesmo aqueles em atividade, alertando-os da responsabilidade de repassar o conhecimento desta pluralidade e de unir teoria á prática.

PALAVRAS-CHAVE: Pluralidade cultural, cotidiano escolar, esporte.

ABSTRACT

This article addresses the issue related to cultural diversity in the sport, given that attempts to explain the relationship between multiculturalism and sport in order to observe the daily life of students attending the school framework for how this is experienced the cultural diversity among the students. The problem comes down to how the cultural plurality is part of daily life of students who play sports in school. It is because this article to examine the importance of multiculturalism, reflect on how she and applied, contributing to better development and valuing different cultures, encouraging pr? Priori knowledge of the student in school everyday. The objective is focused on analyzing the issue as cross cultural plurality and applied the lessons of sport in school. The methodology was done from the observation to the students of Professor Valnir Chagas State School in the city of Aracaju with application of a questionnaire, to be achieved the goal proposed to the topic. Concludes that it is important to have a working awareness directed at teachers in training and even those in activity, alerting them of the responsibility for distributing the plurality of knowledge and unite theory and practice.

  KEYWORDS: cultural pluralism, everyday school life, sports.

INTRODUÇÃO

Pluralidade cultural é uma temática transversal que reuni um conjunto de manifestações culturais formada por diferentes etnias referente à contribuição de povos africanos, indígenas, portugueses e outros, para a construção de uma cultura corporal brasileira através do esporte, da dança, da luta, valorizando-as e respeitando-as na sociedade.

Segundo os parâmetros curriculares nacionais (1997), a criança e o adolescente podem conhecer e até vivenciar manifestações culturais relacionada aos diferentes grupos étnicos, através da música, dança e o esporte complementando conhecimentos sobre a diversidade presente no Brasil.

A Pluralidade Cultural como proposta curricular voltada para a cidadania tem um significado especial ao proporcionar elementos onde a criança tenha um relacionamento com a democracia, o surgimento de diferentes grupos e comunidades étnicas e culturais, para a sua vida e cotidiano. Propondo a partir da educação uma relação com os valores sobre a diversidade presente no Brasil. Segundo Cury (2004), "no processo da educação deve-se o respeito aos valores culturais, artísticos e históricos que insere a socialização da criança e do adolescente, garantido a liberdade e o acesso às fontes de cultura.

O preconceito e a discriminação marcam muitas vezes a convivência de uma sociedade pelo fato dela ser constituída por grupos diferenciados, o Brasil faz parte destas características, já que a cultura é diversificada por linguagens diferentes, religião, crença ,costumes e valores morais de influência de outros povos. A comunidade e a escola são um ambiente que esclarece está diversidade, geralmente em cada grupo, há uma descendência étnica, ou seja, um indivíduo com parentesco indígena, africano e etc. Isso faz com que sociedade conviva com a diversidade etnocultural, porém é preciso que o professor facilite a vivência e a aprendizagem da pluralidade cultural na escola, para que haja o respeito e a valorização. A criança no ambiente escolar convive com a diversidade e também pode aprender com ela, o investimento na formação do professor no tema da pluralidade cultural além de ser importante precisa ser um compromisso político-pedagógico educacional no desenvolvimento do profissional da educação, relata o PCN (1997).

Dando ênfase ao que foi mencionado acima, o PCN (1997) afirma que, na escola onde a diversidade está diretamente naqueles que constituem a comunidade, essa presença tem sido ignorada, silenciada ou minimizada. São múltiplas origens da omissão com relação à pluralidade cultural.

O esporte é uma atividade desenvolvida através do movimento corporal, caracterizado por regras e competições, praticado individual, em dupla ou em coletivo e com o outro lado que é o adversário. Porém pode ser praticado no intuito de diversão. Para Kunz (2001), "o conceito de esporte é "estrito", porque refere-se somente ao treino, a competição, o atleta e o rendimento esportivo".

Tubino (1992) divide o esporte em três dimensões, a primeira está relacionada ao esporte como meio de formação do indivíduo, a segunda como participação e lazer agindo na melhoria da saúde e bem-estar e a terceira está ligada ao esporte de rendimento que atenda as perspectivas de competição baseada em regras.

Este artigo tenta explicar a relação que há entre a pluralidade cultural e o esporte, a fim de observar o cotidiano dos alunos que freqüentam o âmbito escolar, para saber como está sendo vivenciada a pluralidade cultural junto aos alunos.

As diversas culturas existentes como as indígenas, africanas, portuguesas, inglesas e outras, trouxeram elementos constituintes como as danças, as lutas, e o esporte para a formação da cultura brasileira. Devido a está herança cultural o esporte praticado no âmbito escolar permite a vivência desta diversidade. E como afirma Darido e Rangel (2005), "os esportes, danças e as lutas, como meio de vivências das diferentes manifestações da cultura do corpo, pode ser utilizadas para trabalhar o tema transversal "pluralidade cultural", no âmbito escolar e assim sendo possível conhecer e valorizá-la.

Diante desta visão, abordamos a questão da pluralidade cultural com relação ao esporte na escola, sabe-se que o aluno pratica o esporte, entende a técnica, porém a origem e a importância étnica e cultural, às vezes não são repassadas para o aluno como deveria no cotidiano escolar. Por isso, tivemos o interesse de questionar o seguinte: como a pluralidade cultural faz parte do cotidiano dos alunos que praticam esporte na Escola Estadual Professor Valnir Chagas?

A escola é um ambiente onde o aluno vivencia a prática do esporte e está pratica é permitida devido à contribuição das manifestações de culturas denominada "pluralidade cultural", porém a responsabilidade de repassar conhecimento desta pluralidade é do professor.

Delval (2006) trata a escola como um ambiente que se deve explorar a aprendizagem das culturas, entendendo que cada sociedade com sua própria cultura pode ser percebida pelos alunos através do incentivo do trabalho na escola, satisfazendo as necessidades humanas e conhecimentos. E ainda, conclui: "o que o professor tem de fazer então é facilitar, é criar as situações nas quais o aluno aprenda partindo de sua prática, de sua própria atividade Delval (2006, p.151).

Segundo o PCN (1997), trata-se de oferecer ao aluno, e construir junto com ele, um ambiente de respeito pela aceitação; de interesse pelo apoio á sua expressão; de valorização, pela incorporação das contribuições que venha a trazer.

Contudo, o interesse do artigo está em mostrar a valorização que os professores estão atribuindo nas aulas de esporte com relação à pluralidade cultural, fazendo refletir sobre a questão de que existe diversas manifestações culturais e que deve ser vivenciada e reconhecida pelo aluno,afim decontribuir para interação com vários grupos étnicose diversidades existentes. Assim, através desta pesquisa os acadêmicos, poderiam refletir sobre possíveis métodos para o trato a cerca da pluralidade cultural na escola a nível que o campo da cultura é amplo e diversificado, podendo ser mais explorado nas escolas através da facilitação de aprendizagem pelo professor.

Justifica-se este artigo pelo fato de analisar a importância da pluralidade cultural, refletir sobre a forma que ela é aplicada, contribuindo para um melhor desenvolvimento e valorizando as diversas culturas, incentivando o próprio conhecimento do aluno no cotidiano escolar.

Neste trabalho teremos os seguintes objetivos: analisar como o tema transversal "pluralidade cultural" está sendo aplicado nas aulas de esporte na Escola Estadual Professor Valnir Chagas, identificar a manifestação da pluralidade cultural nas aulas práticas de esporte e observar o cotidiano dos alunos nas aulas de esporte com vista para a diversidade.

Inicialmente realizou-se uma pesquisa bibliográfica para ampliar o conhecimento sobre o tema proposto, de acordo com Barros (2007, p.85) "A pesquisa bibliográfica é a que se efetua tentando-se resolver um problema ou adquirir conhecimento a partir do emprego predominante de informações advindas de material gráfico, com sonoro e informatizado. Em seguida, direcionamos para a pesquisa de campo, observando a realidade escolar dos alunos da Escola Estadual Professor Valnir Chagas para identificação e coleta de dados através de questionário. Foi realizado o estudo de caso, e para o alcance dos objetivos definidos também deduzimos as seguintes hipóteses descritas abaixo:

a)Alguns professores de Educação Física não dão a devida importância sobre a questão da pluralidade cultural em sua prática docente.

b)O conhecimento sobre a origem do esporte para muitos alunos passam despercebidos, ou seja, por falta de explicação por parte do educador físico nas aulas práticas.

c)A cultura nas aulas de Educação Física geralmente está voltada somente para a questão da diversão e não estão focadas no esporte.

O presente artigo está dividido em 5 capítulos: a introdução, que abrange o problema a ser questionado, a justificativa onde mostra à importância do artigo, os objetivos e hipóteses; o segundo capítulo abordará o referencial teórico destacando os principais autores em que foi baseada a pesquisa, incluído os subitens e a relação teoria- tema,o terceiro é a metodologia , o quarto capítulo são os resultados e discussões e o quinto capítulo a conclusão.

» Baixe o artigo completo para continuar lendo.

 
Avalie este artigo:
2 voto(s)
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
FORMAÇÃO NO CURSO DE LICENCIATURA EM EDUCAÇÃO FÍSICA. CURSANDO LICENCIATURA EM DANÇA. PÓS-GRADUAÇÃO EM ANDAMENTO NO CURSO DE DIDÁTICA E METODOLOGIA DO ENSINO SUPERIOR
Membro desde setembro de 2009
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: