O QUE A BÍBLIA NÃO DIZ (3)
 
O QUE A BÍBLIA NÃO DIZ (3)
 


O QUE A BÍBLIA NÃO DIZ (3)

 

A Bíblia não diz que Jacó teve que esperar 14 anos para casar-se com Raquel

 

O sogro de Jacó era um homem muito ladino. Quando viu que Jacó queria casar-se com sua filha Raquel, por quem estava apaixonado, propôs ao futuro genro um acordo. Ele tinha que trabalhar de graça durante sete anos para poder conseguir a tão sonhada esposa.

 

Todos conhecem a história da astúcia de Labão. Quando terminaram os sete anos, na noite de núpcias, em lugar de Jacó encontrar no leito nupcial sua tão sonhada eleita, encontrou sua irmã mais velha, Lia.

 

No dia seguinte, decepcionado procurou o sogro. Ele simplesmente disse que aquilo era um costume da terra. Não era possível casar-se com a mais nova quando a mais velha ainda estava solteira. Jacó concordou, mas teve que concordar, também, que para casar-se com Raquel tinha que trabalhar mais sete anos de graça.

 

São muitos os que pregam que Jacó teve de esperar mais sete anos, casado com Lia para poder casar-se com Raquel. A Bíblia simplesmente não diz isto. Labão falou que ele esperaria passar a semana de Lia, que eram os dias de bodas e, em seguida, casaria com Raquel. Foi exatamente isto que aconteceu. Depois de sete dias ele se casou com Raquel, embora tivesse de trabalhar mais sete anos depois daquilo, porém já estava casado. Pode conferir, agora, o relato em Gênesis 29.26-28.

 

E disse Labão. Não se faz assim no nosso lugar, que a menor se dê antes da primogênita. Cumpre a semana desta; então te daremos também a outra, pelo serviço que ainda outros sete anos servires comigo. E Jacó fez assim. E cumpriu a semana desta. Então lhe deu por mulher Raquel sua filha.

 

A Bíblia não diz que toda pessoa que se converte, também toda a sua casa será salva

 

Já conheci muitas pessoas frustradas, pelo fato de terem se convertido e suas famílias terem permanecido incrédulas ate morrerem, sem crerem em Jesus Cristo.

 

Isto porque se baseiam na promessa que Deus fez ao carcereiro de Filipos.

 

Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa (Atos 16.31).

 

Para entendermos melhor a Bíblia, precisamos atentar para os detalhes. Também temos que evitar as generalizações.

 

Neste caso a particularidade é a conversão do carcereiro de Filipos e a promessa especial que toda a sua casa seria salva. Isto realmente aconteceu.

 

Existem muitos mandamentos particulares, exclusivos. Como também muitas promessas particulares e exclusivas.

 

A promessa particular dada ao carcereiro de Filipos não deve pressupor uma promessa generalizada para todos aqueles que crerem.

 

Graças a Deus que a mesma bênção concedida ao carcereiro de Filipos já aconteceu em muitas vidas. Eu mesmo, fui o primeiro a me converter na família e toda a minha família, exceto dois, creu. Mas, e esses dois?

 

Poderão viver o resto da vida incrédulos e assim morrerem. Espero que não, mas é possível e mesmo que assim aconteça, não está contradizendo a Bíblia.

 

A Bíblia não diz que Jesus mandou examinar as Escrituras

 

Não são poucos os pregadores que afirmam que Jesus mandou examinar as Escrituras.

 

É claro que examinar as Escrituras é obrigação e privilégio de todo filho de Deus, mas a verdade tem que ser falada corretamente, sem qualquer acréscimo.

 

O que Jesus disse foi que os escribas e fariseus examinavam as Escrituras, porque julgavam ter nelas a vida eterna, mas não queriam ir a ele para terem vida.

 

O que ele falou não está no imperativo do verbo (examinai), mas está no presente do indicativo (examinais).

 

Algumas traduções colocaram um apêndice no texto de Quarto Evangelho 5.39, mas tal apêndice é completamente arbitrário.

 

Onde está escrito examinais, eles colocaram um adendo ou examinai.

 

Este adendo é algo totalmente arbitrário, fora do original. Trata-se de mais um pernicioso acréscimo à Palavra de Deus.

 

A Bíblia não diz que o homem foi feito do barro

 

Já ouvi muitos repetindo que o homem foi feito do barro. Esta afirmação não é verdadeira.

 

Também já escutei muitos críticos perguntarem:

 

- Dr. Paulo, por que o senhor se preocupa tanto com estes pequenos detalhes da Bíblia?

 

Eu me preocupo por um motivo: a Bíblia tem que ser ensinada de maneira pura, completa e verdadeira.

 

Há poucos dias escutei um respeitável pregador dizer que satanás era o regente do coral celeste e que ele, de tempos em tempos, convocava os anjos cantores, descia à terra com eles, ensaiava um bocado de hinos e em seguida subia novamente para o céu a fim de louvar ao Senhor com aqueles hinos.

 

É por causa desta e de outras invenções semelhantes, que procuro chamar a atenção dos irmãos para a realidade do que está escrito.

 

A Bíblia diz que o homem foi feito do pó da terra e não do barro (Gênesis 2.7).

 

A Bíblia não diz que o sumo-sacerdote entrava no Santo dos Santos com uma corda amarrada em sua perna

 

Muito se ensina que o sumo-sacerdote quando entrava no Santo dos Santos, tinha uma corda amarrada em sua perna, ou na cintura, para que, se por acaso ele morresse, como ninguém podia entrar naquele lugar, seu corpo seria puxado para fora.

 

O sacerdote tinha uma lista muito específica de que roupas deveria usar e o que tinha de fazer antes de passar para o outro lado do véu. Se ele não fizesse essas coisas, morreria. Sendo assim, se não tivesse as campainhas nas orlas da sua veste, morreria. O que foi que aconteceu quando Nadabe e Abiu, os filhos de Arão morreram perante o Senhor no Santo dos Santos. Certamente não foram puxados por uma corda. Confira:

 

E os filhos de Arão, Nadabe e Abiú, tomaram cada um o seu incensário e puseram neles fogo, e colocaram incenso sobre ele, e ofereceram fogo estranho perante o Senhor, o que não lhes ordenara. Então saiu fogo de diante do Senhor e os consumiu; e morreram perante o Senhor. E disse Moisés a Arão. Isto é o que o Senhor falou, dizendo. Serei santificado naqueles que se chegarem a mim, e serei glorificado diante de todo o povo. Porém Arão calou-se. E Moisés chamou a Misael e a Elzafã, filhos de Uziel, tio de Arão, e disse-lhes. Chegai, levai a vossos irmãos de diante do santuário, para fora do arraial. Então chegaram, e os levaram nas suas túnicas para fora do arraial, como Moisés lhes dissera. Levítico 10.1-7.

 

Em nenhum lugar se fala de cordas.

 

Não existe qualquer registro bíblicos dessa prática. Pesquisando nos escritos talmúdicos e rabínicos também não encontramos qualquer menção a isto. Ou seja, é mais uma invenção de pregadores e mestres que procuram enfeitar suas prédicas com fantasias que não existem na santa Palavra de Deus.

 

A Bíblia não diz que a voz do povo é a voz de Deus

 

Essa frase antibíblica e extrabíblica, é oriunda do latim vox populi, vox Dei, e é citada como se fosse bíblica! Quando Jesus andou na terra, a opinião do povo a seu respeito era variada. Uns o consideravam pecador (Jo 9.16) ou endemoninhado (Mt 12.24), e outros criam que era um profeta (Mt 16.13,14). Enquanto isso, a voz de Deus ecoava. "Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo" (Mt 3.17). Seria a voz do povo a voz do Senhor?

 

A Bíblia não diz que Deus tarda mas não falha

 

Evidentemente Deus não tarda. Porque ainda um poucochinho de tempo, e o que há de vir virá, e "não tardará". Hb. 10.37. É provável que alguns façam uso de alguns textos como. Habacuque 2.3: Porque a visão é ainda para o tempo determinado, e até ao fim falará, e não mentirá. Se tardar, espera-o; porque certamente virá, "não tardará" ou Mt 25.5 "E tardando o Esposo, tosquenejaram todas e adormeceram, etc. Aparentemente, pode parecer que Ele "tarda", porém Ele "não tarda". A) Para as virgens, Mt 25.5, "este tardar", está inserido na concepção humana, Lc 12.45,46. B) Na parábola do juiz iníquo, Lc 18.7, o próprio Jesus declarou que para alguns Deus tarda, porém, acrescentou que "depressa" ele atende, Lc 18.7,8.

 

A Bíblia não diz que Jesus é a rosa de Sarom e o lírio dos vales

 

Embora alguns hinários evangélicos, incluindo a Harpa Cristã, contenham esta afirmação (Nºs. 58, 196 e 198), segundo a Bíblia ela não está correta. Esta afirmação está fundamentada equivocadamente em Cântico dos Cânticos 2.1: "Eu sou a rosa de Sarom, o lírio dos vales". Quem está falando aqui é a donzela sulamita, símbolo da Igreja. Ela se compara às flores simples dos campos, pois não está acostumada à aristocracia de Jerusalém. Sarom é a planície litorânea imediatamente ao sul do monte Carmelo. Em suma, o texto não faz referência a "ele" e sim à "sulamita". É, portanto uma referência clara à Igreja e não ao Senhor.

 

A Bíblia não diz: dize-me com quem andas e eu te direi quem és

 

Clássica, não? Quantos pregadores não usam essa frase?! Alguém já chegou a dizer acerca dela. "Se não está na Bíblia, então deveria estar!" Bem, a Bíblia apresenta versículos parecidos, que podem ser usados em lugar da frase em questão. "O homem violento persuade o seu companheiro, e guia-o por caminho não bom" (Pv 16.29); "Não entres na vereda dos ímpios, nem andes pelo caminho dos maus. Evita-o, não passes por ele; desvia-te dele e passa de largo" (Pv 4.13,14).

 

Esta declaração não contém uma declaração plena, pois, José conviveu com pecadores no Egito e nunca se contaminou, Daniel conviveu num ambiente paganizado e vil como em Babilônia e não se contaminou com os manjares do rei, e o que dizer de Jesus, que andou com os pecadores e nunca cometeu uma falta?

 

A Bíblia não diz que Deus cegou o entendimento dos incrédulos

 

É Deus quem cega o entendimento dos incrédulos?! A Bíblia diz. "... O deus deste século cegou o entendimento dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus" (II Co 4.4). Esse "deus" é o diabo, e não o Deus verdadeiro que ilumina os que estão em trevas (Jo 8.12; I Jo 1.7).

 

A Bíblia não diz que não cai uma folha de uma árvore, se Deus não permitir

 

A Bíblia mostra claramente que Deus é o Controlador da natureza. Em Isaías 40.12-31, vemos como tem o Universo em sua mão e faz o que lhe apraz. Apesar disso, a frase em questão não é um versículo bíblico! Portanto, não encontramos este versículo em nenhum capitulo da Bíblia, por que ele não existe!

 

A Bíblia não diz que a palavra de Deus se "renova" dia após dia

 

Não está escrito, que a Bíblia se renova e sim as misericórdias do Senhor, Lamentações 3.21,22.

 

A Bíblia não diz que Deus escreve certo, por linhas tortas

 

Esta declaração não se encontra nas Escrituras. Deus sempre escreve certo. As linhas tortas são por conta do homem.

 

A Bíblia não diz que quem canta, seus males espanta

 

Se a referência for, a I Samuel 16.23, aqui Davi não "cantava"; "tocava" a sua harpa e o espírito maligno deixava de perturbar (não a Davi), mas, ao rei Saul.

 

A Bíblia não diz que no céu, seremos anjos

 

Alguns afirmam que foi o próprio Jesus que fez esta afirmação, porém, não foi isto que Jesus declarou. Ele disse que no céu seremos "como" os anjos de Deus. E isto com relação à vida matrimonial. Mt 22.30.

 

A Bíblia não diz que quem não vem pelo amor, vem pela dor

 

É verdade que muitas pessoas, depois de passarem por uma dolorosa experiência, entendem a vontade de Deus e se arrependem (Dn. 4.30-37; At. 9), entretanto, isso não é uma regra. Existem pessoas que nem mesmo pela dor se arrependem. Por isso, a Palavra de Deus alerta. "O homem que muitas vezes repreendido endurece a cerviz, será quebrantado de repente sem que haja cura" (Pv. 29.1).

 
Avalie este artigo:
(4 de 5)
38 voto(s)
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Paulo De Aragão Lins
Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
O Rev. Dr. Paulo de Aragão Lins é autor de vários livros, quase todos versando sobre a Bíblia, seu assunto favorito. É jornalista, conferencista em todos os Estados brasileiros, em vários países das três Américas e em toda a Europa Ocidental. Em 1999 recebeu a ?International Medal of Honor? da Unive...
Membro desde novembro de 2008
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: