Na sua opinião os “símbolos” (abstratos ou concretos) são iguais, para todos? Sim ou não? - II
 
Na sua opinião os “símbolos” (abstratos ou concretos) são iguais, para todos? Sim ou não? - II
 


Autoria: Thais Alváres do Vale – ([email protected])
Orientação:  Professor Clayton Alexandre Zocarato  – ([email protected]).

Trabalho feito pela aluna Thais Alváres do Vale do segundo colegial B, diante da orientação do Professor Clayton Alexandre Zocarato, ano letivo 2012, na disciplina de Filosofia, na “Escola Estadual Carlos Augusto Froelich”, no município de “Pindorama – SP”. 

 

 

Em  minha opinião, os símbolos são iguais para todos sim, o que diferencia é o jeito como as pessoas os interpretam.

Por exemplo, um “símbolo abstrato”, como uma “pintura”, pode ser interpretado de várias formas estéticas e subjetivas

Algumas pessoas enxergam como apenas rabiscos, outros já colocam  algum tipo de sentimento nas imagens.

Um simples desenho, também tem vários significados.

Exemplo:

“Um casal, na natureza, rodeados por árvores e flores”.

Para alguns pode significar apenas um desenho qualquer, mas em minha opinião, “eu” descrevo como uma “ilusão de um amor perfeito”, que penso não existir mais na atualidade, pois se já é difícil algumas mães amarem seus próprios filhos incondicionalmente, como seria possível, “duas pessoas” que são praticamente “estranhas uma para outra”, ter um amor tão perfeito e tão incondicional, já que elas mal se conhecem?

Um outro exemplo de simbolismo variante de popularidade entre as pessoas no âmbito do “senso comum”:

“Uma rosa vermelha”.

“Os chineses e os mongóis” acreditam que a “rosa vermelha” seja um símbolo de morte e a relacionam como um “dragão”.

Já para alguns como gregos e romanos, a rosa representa um símbolo de amor entre diferentes tipos de pessoas, um pensamento amplo em relação aos símbolos que estão vendo no dia a dia.

Eu também considero o homem e a mulher como símbolos.

“O ser humano, em geral, é um símbolo”

Cada pessoa vê a outra do jeito que quer.

Na maioria dos casos as pessoas “enxergam” tudo igual.

Por isso eu digo que seus pensamentos são pequenos, visando um existencialismo sem sintonia de coerência mental intelectual

Então, o que diferencia “algo ou alguém”?

Será mesmo que os símbolos são iguais para todos?

Ou será que a maioria das pessoas tem pensamentos pequenos e não abrem suas mentes para o conhecimento?

 

                                        

 
Download do artigo
Avalie este artigo:
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Clayton Zocarato
Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
Clayton Alexan em história pela Faculdade pelo Centro Universitario Central Paulista - Unicep - São Carlos - SP, especialista em literatura e estudos literários pela faculdade Dom Bosco de Monte Aprazível -SP, em fase de encerramento.
Membro desde janeiro de 2011
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: