Higiene uma Questão de Saúde
 
Higiene uma Questão de Saúde
 


1. IDENTIFICAÇÃO DO PROJETO:

1.1  Nome do projeto: Higiene uma questão de saúde

1.2  Responsável: Marilene Sant'Ana Fernandes Schwinn

1.3  Público alvo: Alunos do 3º Ano do Ensino Fundamental.

1.4  Período de realização: 10-03-2009 a 30-03-2009.

2. JUSTIFICATIVA:

Educar para higiene corporal visa buscar uma prática participativa de modo que as orientações para os alunos sejam coerentes com a linguagem do próprio corpo e de sua realidade, facilitando ao aluno a apropriação do conhecimento científico a respeito de si mesmo, sobre as condições de vida do lugar onde vive e a importância de colocar em prática certos hábitos que contribuirão decisivamente no cuidado com ele e o local onde mora. Quando o aluno percebe que estes hábitos o ajudam a viver melhor, sem dúvida alguma ele estará motivado a colocá-la em prática com regularidade. Isso faz com que o educador seja o mediador entre aluno e sua família, renovando e incentivando o interesse em se praticar corretamente os hábitos de higiene. Muitas vezes, nós, educadores, percebemos certo desconforto em nossos alunos, provocando até mesmo um baixo índice de rendimento escolar e auto-estima. É neste momento que devemos esclarecer e estimular os alunos, propondo uma tomada de consciência no que diz à saúde, à limpeza corporal, à postura em sala de aula, na escola e na comunidade. Ser saudável é também estabelecer bons hábitos e compreender que o nosso corpo merece um carinho especial, e que esse tratamento nos traz benefícios.

O Projeto é uma proposta que possibilita e garante uma aprendizagem efetiva e transformadora de atitudes e hábitos de vida. Ao educar para a saúde e para a higiene, de forma contextualizada e sistemática, nos vimos diante de um grande desafio para a educação, no que se refere à possibilidade de garantir uma aprendizagem efetiva e transformadora. É preciso educar para a saúde, levando em conta todos os aspectos envolvidos na formação de hábitos e atitudes que acontecem no dia-a-dia da escola e da comunidade escolar.

Observando a necessidade da turma no âmbito escolar e na comunidade em que vivem e por acreditar que a escola é um veículo com grandes poderes de transmissão de pensamento e também auxiliadora no processo de construção de conhecimento, esse projeto apresenta propostas de aula a serem desenvolvidas na turma, sobre a higiene com o corpo e com o ambiente, visto que a maioria dos alunos é de uma comunidade muito carente e sem infra-estrutura necessária ao seu desenvolvimento social.

O presente trabalho se propõe, dentro de uma perspectiva interdisciplinar, desenvolver atividades relacionadas aos aspectos que envolvem o cuidado com a saúde e a formação de hábitos e atitudes do cotidiano da escola e da comunidade em que vivem, os quais são necessários para uma vida saudável.

Destinandose tal proposta aos alunos da 3º ano do ensino fundamental de uma escola da rede pública municipal, procurei mostrar a importância de manter o corpo asseado e o ambiente limpo, pois a melhoria das condições de saúde é produzida nos espaços coletivos e nas relações com as outras pessoas, e como educadora mostrarei que escola pode oferecer a oportunidade de aprendizagem de diferentes formas de ação que favoreçam a saúde e a higiene coletiva.

3. OBJETIVO GERAL:

O projeto tem o objetivo de oportunizar ao educando situações por meio dos quais ele possa estabelecer relações entre o desenvolvimento de hábitos de higiene corporal, organização do ambiente, de integração com a família, escola, comunidade e colocar em prática o aprendizado do projeto em seu cotidiano.

4. OBJETIVOS ESPECÍFICOS:

- Levar o aluno a perceber a necessidade de adquirir bons hábitos de higiene;- Identificar e criar o hábito de uma boa higiene e cuidados com o corpo para ser saudável;- Desenvolver independência para manter sua higiene pessoal;

- Refletir sobre as suas ações diárias em relação a sua saúde, o que engloba cuidado e preservação com o meio ambiente e com a higiene;

- Identificar a necessidade de contribuir para manter seu ambiente familiar e escolar organizado e limpo, valorizando as atitudes relacionadas com o bem estar individual e coletivo;

- Discutir as formas de higiene corporal, bucal, etc.;

- Estimular para a prática correta de tomar banho, cortar as unha e cabelos;

- Adotar hábitos de auto-cuidado;

- Valorizar a cooperação nas atividades realizadas como forma de aprendizagem;

- Desenvolver a psicomotricidade, criatividade e o raciocínio lógico, o conhecimento matemático, a expressão artística e o gosto pela leitura.

- Produzir textos sobre o tema.

5. DESENVOLVIMENTO:

Eis aqui algumas informações que facilitarão o trabalho realizado com os alunos. São informações variadas, enfocando sempre a prática da higiene corporal. Vale lembrar que, nós, educadores, somos o exemplo vivo para os alunos, portanto, assim como orientá-los, devemos praticar corretamente as normas de higiene.

Antes de desenvolver o projeto serão feitos os seguintes questionamentos aos alunos:

- Levar o aluno a refletir e questionar sobre suas atitudes higiênicas.

- O que posso fazer para conservar meu corpo limpo?

- Que cuidados deverei ter com meus cabelos, unhas e dentes?

- Qual a melhor maneira de limpar as orelhas?

- Como devo conservar os meus pés? Por que?

- Como devem ser, estar as roupas que uso par ir à escola?

- Que roupas deverei usar para dormir?E para passear?

- Como devem ser as roupas nos dias de frio e calor?

5.1  Cronograma de atividades: será feito diariamente, por meio do Plano de aula, de acordo com as competências e habilidades propostas no PPP da escola e nos objetivos traçados para o trimestre.

Atividades a serem desenvolvidas durante o projeto:

- Contato com diversos tipos de textos referentes ao tema como: poemas, textos informativos, advinhas, quadrinhas e histórias;

- Cruzadinhas, labirintos e caça-palavras;- Contação de histórias com fantoches;- Atividades de escrita de pequenos textos pelos alunos, (orientação da escrita na linha, margem, pontuação e outros); - Leitura pelos alunos de pequenos textos;

- - Relatório oral e através de desenhos sobre os temas trabalhados;

- Brincadeiras cantadas e de movimento no pátio, para desenvolvimento de alguns aspectos da psicomotricidade que necessitam ser trabalhados.

Atividades que serão desenvolvidas com maior ênfase:

Texto:

Banho

A pele tem milhões de glândulas especiais que produzem suor, e outras que produzem uma substância parecida com o sebo. A falta de banho provoca o acúmulo gradativo dessas substâncias, que se somam às sujeiras exteriores (poeiras, terra, areia, etc.). A conseqüência é o aparecimento de assaduras, além do odor (mau cheiro) desagradável, e o risco de aparecimento de piolhos e sarna. Frisar a importância do banho diário e destacar o banho de chuveiro, que é mais higiênico. De acordo com as necessidades locais (a maioria dos meus alunos não possui chuveiro), ensinar a fazer um chuveiro de lata ou a tomar banho em algum recipiente que possuírem em casa.

.SUGESTÕES:

Realização na sala de aula de uma exposição de produtos de limpeza em geral.

Texto

Unhas

Cortar as unhas e mantê-las sempre limpas, são medidas importantes para prevenir certas doenças. Quando a pessoa coloca a mão na boca, armazenada debaixo das unhas pode dar origem a verminose e outras doenças intestinais. Além disso, valorizar os aspectos estéticos relacionados à beleza das unhas. E procurar eliminar o hábito de roer unhas.

Texto

Roupas

O corpo humano regula, automaticamente, sua temperatura quando exposto ao frio ou calor. Entretanto, quando há exposição aos excessos de temperatura, podem surgir alterações no organismo. Mostre que o vestuário é importante na manutenção da temperatura corporal.

SUGESTÕES:

- Utilizar cartazes ou murais para mostrar hábitos de higiene, produtos de higiene em geral, tipos de roupas que usamos de acordo com a temperatura.

- Mostrar a importância do sol na higiene da roupa.

- Destacar a necessidade de se usarem roupas sempre limpas, e de ter um lugar para guardar roupas sujas.

- Mostrar a necessidade de andar calçado. Se os pés não estiverem protegidos,correm o risco de sofrer muitas agressões ou machucados, por pregos,espinhos, pedras, etc.

- Além disso, os pés descalços são portas abertas às verminoses (amarelão,lombriga, solitária) e outras doenças, como o tétano.

Texto

Dentes

Existe uma íntima relação entre dentes bem cuidados e boa saúde. A pessoa com dentes estragados não mastiga direito; a qualquer momento pode sofrer violentas dores; e existe sempre o perigo de doenças muito sérias, que a cárie é o resultado da ação dos micróbios sobre restos de alimentos retidos entre os dentes. Portanto, a limpeza correta dos dentes impede a formação das cáries. É importante mostrar aos alunos que os dentes de leite devem ser cuidados da mesma forma que os dentes permanentes. Existe a necessidade de se criarem bons hábitos higiênicos, pelo fato de que o dente de leite estragado pode prejudicar os novos dentes que virão.

Sugestões:

- Destacar os fatores estéticos e emocionais relacionados com os bons dentes:a beleza de um sorriso; o mal-estar causado a si e aos outros pelo mau hálito.

Texto

Cabelos

Devem ser cortados habitualmente. E lavados com shampoo ou sabão diariamente, ou então, duas vezes por semana, para que fiquem limpos, cheirosos e bem cortados. Os cabelos grandes e sujos, que facilitam a proliferação de piolhos.

Outras atividades a serem desenvolvidas durante as aulas:

-História que trate da questão do meio ambiente;

- Conversa dirigida a respeito da história: interpretações, opiniões, o que eles entendem por meio ambiente; a situação atual deste meio;

- Pedir para que os alunos recontem a história utilizando a escrita e o desenho;

- Explanação dos seus trabalhos.

- A partir dos desenhos, pedir para os alunos elaborar e escrever frases ou pequenos textos que descrevam as fotos, construindo um mural na sala de aula;

- Apresentação de um vídeo educativo limpeza e do meio ambiente,

- Confecção de um boliche com garrafas de "pet";

Cada aluno deverá levar uma garrafa de "pet" (garrafa plástica de refrigerante) para a confecção do boliche;

Cada um irá pintar sua garrafa com cores diferenciadas, pois cada cor corresponderá a um número;

Construir junto como eles o quadro que servirá de legenda para identificação da cor com seu respectivo número;

Inicia o jogo;

Neste jogo pode ser trabalhada adição, subtração, quantidade.

- Proporcionar a turma um passeio pela comunidade onde eles serão orientados a observar a higiene do local

Após o retorno pedir para que eles criem um desenho e um pequeno texto, a partir do passeio, para ilustrar a situação e um pequeno cartaz com recorte e colagem.

- Atividades em folhas mimeografadas com os conteúdos que forem desenvolvidos no projeto, no quadro de giz, histórias matemáticas, operações de adição e subtração simples e com transporte e retorno.

- Recursos pedagógicos a serem utilizados: revistas, jornais, folhas mimeografadas, passeio, materiais de uso diário dos alunos, garrafas pet, tintas, pinceis e tantos quanto se fizerem necessários para o desenvolvimento do projeto.

6. AVALIAÇÃO:

6.1  Critérios: Será feita através de conversa, diálogo, participação de todos e se os alunos começarem a mudar seus hábitos diários de higiene desenvolvidos no projeto.

6.2  Instrumentos: Serão utilizados os trabalhos realizados durante o projeto, com os critérios de avaliação da escola.

7. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

PPP da Escola, Conteúdos a serem trabalhados no trimestre e atividades organizadas pelo grupo de professores envolvidos no projeto.

 
Avalie este artigo:
(2 de 5)
20 voto(s)
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Marilene Schwinn
Talvez você goste destes artigos também