FAMÍLIA ANDRADE
 
FAMÍLIA ANDRADE
 


Andrade é um sobrenome português, classificado como toponímico e de origem geográfica. Procede de um dos cinco cavaleiros que passaram pela Espanha, na guerra dos mouros, com o conde D. Mendo. É seu solar a vila de Andrade, no reino de Galiza. Os de Portugal descendem de Nuno Freire de Andrade, mestre da Ordem de Cristo,que se uniu à Portugal no reinado de D. Pedro de Castela. Essa família aristocrata de Andrade, desde fins do Século XII, começou a tomar importância, por ser uma família originária de Andrade, variante Andrada, apelido de família da onomástica da Língua Portuguesa. Sua origem remonta à Galiza, numa família cujo solar, a vila de Andrada, ficava entre Pontedeume, Ferrol e Vilalba, cujas vilas o rei D. Henrique II subordinou a Fernão Peres de Andrade, descendente de Bermudo Peres de Traba Freire de Andrada, que provinha dos antigos condes de Traba e Trastâmara.
Os Andrades ou Andradas ligaram-se por diversas vezes aos Freires, razão porque os dois apelidos passaram a considerar-se indissociáveis, usando uns Andrade Freire, outros Freire de Andrade, os quais subsistiram também isoladamente. Essa família dominou as terras portuguesas de Ferrol, Pontedeume, Betanços e Casa Dalba. Atualmente, as propriedades que pertenceram aos Condes de Andrade e Vilalba, fazem parte das muitas outras posses da Casa de Alba. A essa família pertenceram alguns personagens importantes da historia da Galiza: Fernán Pérez de Andrade, o Bom e Nuno Freire de Andrade, o Mau .
Os Andrade em Portugal e no Brasil são de origem dos principais ramos portugueses, provêm de Rui Freire de Andrade e seus filhos D. Nuno Rodrigues Freire de Andrade, de 1300 a1372; mais tarde foi o 6º mestre da Ordem de Cristo , com destaque o nome de Vasco Freire. Este sobrenome esteve com domínio de armas do reino de Bragança, desde 1485, além da doação, na ilha da Madeira, das terras do arco da Calheta. Em função da origem nobre, conforme mostra a coroa no Brasão, os Andrade no Brasil já participavam da política brasileira desde a tutoria do Princípe Regente e atuaram no Senado e na Assembléia no Período da Monarquia.
Em Pernambuco,essa família Andrade vem sempre associada às famílias Freire, Menezes, Peres ou Pires, destacando-se nas artes, nas letras, nas ciências políticas, nos serviços públicos e no direito. Em Parnamirim, dessa família destacaram-se Ulisses Menezes, farmacêutico e político, as professoras Aurora Menezes e Ivalda de Andrade Menezes, as quais incentivaram muitos alunos dessa cidade sertaneja para as letras e ciências, nas escolas por onde lecionaram, principalmente na Escola Euclides da Cunha, que durante muito tempo foi referência educacional do município no estado.


 
Avalie este artigo:
(3 de 5)
25 voto(s)
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Djalmira Sá Almeida
Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
Djalmira é pernambucana de Terra Nova- Pe. Aprendeu as primeiras letras na Fazenda Surubim. Estudou em Parnamirim - Pe de 1962 a 1972. Mudou-se para o Paraná aos 16 anos. Formou-se em Letras/Anglo em Cascavel-Pr. Possui Especialização, Mestrado e Doutorado em Filologia e Linguística de Língua Por...
Membro desde junho de 2008
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: