Eu e você (Poesia)
 
Eu e você (Poesia)
 


Andar pelas calçadas, pelas ruas,
Mãos entrelaçadas a se apaixonar,
Coisas singelas como olhar a lua,
O anoitecer e o balanço do mar.

Andar pelas praças, pelas vielas,
Abraçados falando só de amor.
Dou-te flores brancas tão belas
Nos seduzimos de paixão e ardor.

Nos amamos como fizemos outrora,
Olhando o pôr-do-sol colorido,
Vai-se a noite, nasce bela a aurora,
O que somos jamais será esquecido.
 
Avalie este artigo:
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Franncky Francelino
Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
Nascido em janeiro, ensinado e sendo moldado pela vida...Crê no amor, em suas mais variadas formas... Crê nas pessoas e admira a bondade que, quase passa em silêncio, mas, tênue como um filete, ainda existe... Apaixonado pelos poetas... os que escrevem e os que não registram nenhuma palavra, ainda...
Membro desde janeiro de 2009
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: