EPREENDEDORISMO E OPORTUNIDADES
 
EPREENDEDORISMO E OPORTUNIDADES
 


Projeto elaborado na disciplina de “Fundamentos da Administração” no curso de Contabilidade na FNC de Carapicuíba sob a orientação da Professora Esther Cosso.

RESUMO

O sucesso ou o fracasso de qualquer empresa está relacionado diretamente a pessoas, pessoas estas que trazem dentro de si próprias historias de vida, emoções, saberes, valores, crenças e expectativas. Saber onde e como encontrar as oportunidades pode ser o diferencial para aqueles que querem inovar e até mesmo empreender suas carreiras.

O trabalho foi descrito com base na pesquisa descritiva, qualitativa. O método utilizado é o da pesquisa bibliográfica, realizada por meio de levantamentos em fontes secundárias, a qual compreende consultas em livros, artigos científicos, trabalhos acadêmicos e sites, possibilitando uma visão geral de como o empreendedor é motivado pela onda de conscientização e pelas oportunidades empresariais que surgem.

Palavras chave: Inovação,Empreendedorismo, Oportunidades de Negócio.

Inovação.

A inovação baseada no conhecimento ou na ideia brilhante pode ser  o diferencial do empreendedor, saber identificar as oportunidades onde os demais não conseguiram enxergar, seja um negocio já existente ou um novo empreendimento, é o primeiro passo a se dar para alcançar o sucesso .

Pensar, Variar, Imaginar, Criar e Inovar, são os caminhos da inovação segundo (Chiavenato, 2007).

A característica mais importante de um inovador não é a sua imaginação, mas a sua perspicácia. A perspicácia é o que permite transformar uma ideia, normal, como aquelas centenas que temos todos os dias, em algo especial. É, simultaneamente, ter uma ideia, ter a capacidade de a concretizar mentalmente e ter a sagacidade de a ver utilizada de uma forma inovadora. Depois, ter força de vontade para a fazer acontecer, qualquer que seja o custo."( Cruz , Rui 2007   )

Alguns questionamentos devem ser feitos quando pensamos em inovar e empreender algo:

  1. Criar novidades?
  2. Fazer coisas novas?
  3. Mudar ou modificar as coisas atuais?
  4. Fazer diferente dos outros?
  5. Acabar com a rotina e a mesmice?
  6. Instaurar a imaginação e a criatividade?
  7. Melhorar sempre e sempre?
  8. Desenvolver espírito crítico?
  9. Fazer melhor que os outros?
  10. Adiantar-se no tempo em relação aos outros

Segundo Drucker, inovação é a habilidade de transformar algo já existente em um recurso que gere riqueza. "[...] Qualquer mudança no potencial produtor-de-riqueza de recursos já inexistentes constitui inovação...” (DRUCKER, 1987, p. 40).

 Empreendedorismo

A definição de empreendedor evoluiu com o passar do tempo, devido às mudanças ocorridas na área econômica mundial tornando-se mais complexa.

Conceito:

Empreendedorismo é o estudo voltado para o desenvolvimento de competências e habilidades relacionadas à criação de um projeto (técnico, científico, empresarial). Tem origem no termo empreender que significa realizar, fazer ou executar.

O empreendedor é aquele que apresenta determinadas habilidades e competência para criar, abrir e gerir um negócio, gerando resultados positivos.

Podemos citar como características do empreendedor:

- Criatividade
- Capacidade de organização e planejamento
- Responsabilidade
- Capacidade de liderança
- Habilidade para trabalhar em equipe
- Gosto pela área em que atua
- Visão de futuro e coragem para assumir riscos
- Interesse em buscar novas informações, soluções e inovações para o seu negócio
- Persistência (não desistir nas primeiras dificuldades encontradas)
- Saber ouvir as pessoas
- Facilidade de comunicação e expressão

Importância

O empreendedorismo é essencial para a geração de riquezas dentro de um país, promovendo o crescimento econômico e melhorando as condições de vida da população. É também um fator importantíssimo na geração de empregos e renda.

Alguns requisitos são necessários para administrar um novo empreendimento:

  •  Foco no mercado, sem perder a flexibilidade. Isso quer dizer foco nas oportunidades e não nos problemas.
  •  Faça suas previsões e inovações em uma área que você domina. Só assim elas se tornarão oportunidades.
  •  Acredite na missão do seu empreendimento.
  •  Incentive a troca de idéias, sugestões e informações.
  • Certifique-se de que todos entendem o negócio e estão na mesma sinergia.
  •  Atenção às questões financeiras, tanto para o fluxo de caixa, quanto para o capital que possa ser necessário para ações no futuro. Não pense imediatamente no lucro.
  • Procure formar uma boa equipe administrativa.
  • Defina o seu papel de empreendedor quanto a sua área de trabalho e de relacionamentos.
  • Aprenda com os sucessos e os fracassas inesperados, tanto os seus quanto os dos concorrentes.

 Plano de negócio

 A elaboração do plano de negócio é também uma ótima oportunidade para examinar a quão está à motivação, o conhecimento e o empenho dos sócios, pois a princípio, cada um deles deve ser responsável por uma parte da elaboração no que diz respeito a sua área de desempenho e as atividades pelo qual são responsáveis.

 O plano de negócio movimenta todos os aspectos do novo empreendimento.Ele representa um levantamento exaustivo de todos os elementos quecompõem o negócio, sejam internos - o que deverá ser produzido, como,onde, quanto - sejam externos - para quem produzir, qual é o mercado, quaissão os concorrentes etc. (CHIAVENATO, 2007).

Os objetivos do plano de negócio devem ser definidos com clareza para que não sejam confundidos com metas, ou seja, o plano serve para propor o ordenamento das ideias e a apreciação da potencialidade e da disponibilidade do empreendimento.

 CONSIDERAÇÕES FINAIS

 De acordo com a trajetória apresentada no trabalho, foi possível observar, demonstrar e analisar as definições e conceitos do empreendedorismo e da inovação, fatores estes, incentivadores encontrados ao decidir pôr tais ideias em prática.

Com a necessidade de uma observação mais atenta por parte dos empreendedores, com o que é inovação, quais são os tipos, e como alcança-los através da pratica da gestão da inovação, que demonstrou ser uma forma de organização, gerenciamento e filtragem de ideias e conceitos que pode diferenciar uma grande inovação de um invento fracassado.

Para garantir que o sucesso seja alcançado e constantemente reafirmado, devem ser considerados todos os fatores anteriormente descritos.

 REFERÊNCIAS BIBLIOGRAFICAS

 FACULDADE IBES. Disponível em: <http://www.ibes.edu.br/aluno/arquivos/artigo_empreendorismo_inovacao.pdf  >. Acesso em 12 outubro. 2013.

INSTITUTO CHIAVENATO. Disponível em: <http://www.chiavenato.com/publicacoes/>. Acesso em 12 outubro. 2013.

BESSANT, John; TIDD, Joe. Inovação e empreendedorismo. S/L: bookman, 2009.

BURR, Ridge JL; IRWIN, Richard D. New Business Ventures and the Entrepreneurship, 1985, p. 16-23.

CHIAVENATO, Idalberto. Empreendedorismo: dando asas ao espírito empreendedor: empreendedorismo e viabilidade de novas. 2.ed. rev. e atualizada. São Paulo: Saraiva 2007.

DORNELAS, José Carlos Assis. Transformando ideias em negócios. 2.ed. Rio de Janeiro: Elsevier, 2005.

DRUKER, Peter Ferdinand. Inovação e espírito empreendedor. Editora Pioneira, 1987.

 
Avalie este artigo:
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)

Membro desde outubro de 2013
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: