Dicas de como melhorar a qualidade de vida no trabalho
 
Dicas de como melhorar a qualidade de vida no trabalho
 


As condições físicas do trabalho não são os únicos fatores que importam para que a qualidade de vida no trabalho melhore, as condições sociais psicológicas também são importantes. Para alcançar uma qualidade e uma produtividade melhor, as empresas precisam ser dotadas de pessoas participantes e motivadas nos trabalhos que fazem, e recompensadas adequadamente por sua contribuição. Abaixo seguem algumas dicas de como implantar um programa de bem-estar na empresa:

1. Fazer um levantamento de riscos de saúde dos funcionários periodicamente;
2. Respeitar o horário de trabalho;
3. Incluir os membros da família dos funcionários e aposentados no programa de instruções sobre a saúde;
4. Introduzir opções de calorias adequadas conforme a função e o local de trabalho;
5. Eliminar o fumo durante a hora de trabalho;
6. Estimular à prática da ginástica laboral antes de inciar o dia de trabalho;
7. Oferecer benefícios em clubes de atletismo e academias para os funcionários;
8. Implantar jornais e/ou palestras sobre saúde e bem-estar físico;
9. Treinamentos direcionados aos gestores, a fim de gerar um diferencial significativo na relação líder-liderado;
10. Manter instalações limpas e adequadas à rotina dos profissionais;
11. Realizar campanhas educativas para conservar o meio organizacional;
12. Introduzir um espaço para leitura após o horário de almoço.

Alguns fatores também podem elevar a satisfação dos funcionários nos seus locais de trabalho, tais como:

1. É preciso gostar do que faz, porque trabalho é prazer;
2. Procurar entender o porquê você está onde está;
3. Procurar planejar no início do dia as prioridades a serem cumpridas, pois com planejamento os serviços serão concluídos e no final do dia a sua auto-estima ficará em alta;
4. Estabelecer limite para as horas de trabalho e se manter fiel a elas;
5. Antes de iniciar serviços mais longos, que exijam que se trabalhe até mais tarde. se não forem iniciados cedo, pergunta-se se esta tarefa não poderia ser concluída no dia seguinte, durante o expediente, de forma mais eficaz
6. Reconhecer os seus potenciais, limitações, pontos fortes e fracos, pois não existem perfeições;
7. Ser simpático com as pessoas;
8. Aprender e se aperfeiçoar nas atividades, pois o mundo muda rapidamente e o que é bom hoje, amanhã já não pode ser mais;
9. Colocar em prática o que aprendeu. De nada adianta fazer cursos e ir em eventos se isto não lhe traz resultados práticos;
10. Pensamento positivo, sempre. Quem é pessimista nunca conseguirá crescer como ser humano pelo fato de reagir negativamente a qualquer coisa nova;
11. Aprender a dizer "não" para não ultrapassar os limites;
12. Acostume-se a vencer as crises e a superá-las;
13. Realizar cada tarefa como se fosse a última coisa a se fazer na vida: "Ponha toda a tua alma, todo o teu ser e toda a tua vida no ato que estás praticando" (princípio Zen).

Tanto as empresas quanto os funcionários precisam fazer a sua parte para que a qualidade de vida esteja presente no ambiente de trabalho. Funcionário desmotivado produz mal e traz resultados insatisfatórios para a organização e para a sua vida pessoal. Investir nos funcionários, é o que a maioria das empresas precisam fazer, porque as pessoas são peças essenciais para o funcionamento de uma organização, e quando são bem valorizadas, motivadas e satisfeitas com o trabalho, elas tendem a produzir mais e trazer bons resultados, tanto para a empresa (lucro) quanto pessoal (realização profissional).
 
Avalie este artigo:
3 voto(s)
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Leia outros artigos de Janaína Scher De Oliveira
Talvez você goste destes artigos também