APRENDIZAGEM E DESENVOLVIMENTO DA CRIANÇA SEGUNDO AS TEORIAS DE VYGOTSKY.

Ivany Lima de Almeida [1]

RESUMO

Este artigo objetiva realizar um estudo sobre o processo de aprendizagem e desenvolvimento da criança segundo as concepções de Vygotsky. Serão abordadas as seguintes temáticas: a aprendizagem promove o desenvolvimento; a importância da interação social; a cultura como sistema simbólico de representação da realidade; o papel da escola e do professor como mediação no processo de aprendizagem da criança e aprendizagem e desenvolvimento através do brinquedo. Nesse sentido, este trabalho está dividido em dois capítulos, sendo que no primeiro capítulo abordaremos sobre a aprendizagem e o desenvolvimento, ressalta também a importância da interação social e da cultura para a aprendizagem da criança. No segundo capítulo, relataremos sobre o papel da escola e do professor no processo de aprendizagem da criança, em que o educador deve saber mediar e proporcionar um ambiente que estimule positivamente esta aprendizagem, ressaltando também a importância do brinquedo na aprendizagem e desenvolvimento. Todavia, através deste trabalho percebe-se a importância das ideologias de Vygotsky para a educação, especialmente no que se refere à aprendizagem e o desenvolvimento da criança.

Livro relacionado:

 INTRODUÇÃO

Nos últimos anos, cresceu o interesse de educadores, acadêmicos e até mesmos nos cursos de graduação pelos trabalhos de Vygotsky, uma vez em que estes contêm potencial interdisciplinar que permite relacionar o individual com o coletivo, encontra-se também ideologias que podem servir de suporte para a resolução de problemas educacionais típicos da educação infantil.

 Este projeto objetiva buscar através da teoria Vigotskiana, entender como se dá o processo de aprendizagem e desenvolvimento da criança, visando enriquecer nossa formação como educador infantil.

Para desenvolver este projeto na área da psicologia, escolhemos tal tema devido ao fato de estarmos cada vez mais em busca de conhecimentos relativos à criança, onde através desse estudo estaremos obtendo um amplo conhecimento sobre aprendizagem e o desenvolvimento do mesmo. Como educador-aluno é de suma importância abordar tais conceitos, uma vez em que suas idéias trazem contribuições para o meio educacional, enfatizando a interação da criança com o meio social,  da criança com o meio social para o meio educacional, enfatizando a interação da criança com o meio social, gerando aprendizagens.

Nesse sentido, faz-se necessário um breve relato sobre a biografia de Lev Semyonovitch Vygotsky, professor e pesquisador, nasceu em orsha, pequena cidade da Bielorrusia em 17 de novembro de1896, é originário de uma família de princípios educativos, este fato deu estímulo intelectual, fazendo-o interessar-se pela reflexão e estudo em várias áreas do conhecimento. Viveu na Rússia e foi um psicólogo importante para o nosso século, fundou um laboratório de psicologia no Instituto de  treinamento de professores, atuou intensamente na área da educação, contribuindo com estudos sobre o aprendizado e o desenvolvimento e morreu de tuberculose em 1934, deixando para o campo educacional, contribuições no que se refere aos educadores, sua ideologia se reverte de suma importância, pois trás para o campo educacional uma visão integrada de conhecimentos.

Este artigo está dividido em dois capítulos, sendo que no primeiro capítulo abordaremos sobre a aprendizagem e o desenvolvimento, em que Vygotsky fala que a aprendizagem promove o desenvolvimento através das interações estabelecidas com as pessoas, ressalta também a importância da interação social e da cultura para a aprendizagem da criança, onde a mesma participa de forma interativa na construção de sua própria cultura e sua história, modificando a si e aos demais com quem se relaciona.

No segundo capítulo, relataremos sobre o papel da escola e do professor no processo de aprendizagem da criança, em que o educador deve saber mediar e proporcionar um ambiente que estimule positivamente esta aprendizagem, ressalta também a importância do brinquedo na aprendizagem e desenvolvimento da criança, sendo que através do brinquedo ela recria sua realidade, interpretando suas ações, trazendo esses significados para sua vivência.

Dessa maneira faremos um aprofundamento de suas teorias em favor dessa pesquisa, de forma que possamos repensar nossa prática como educadores, reconstruindo enquanto cidadãos e atuar como sujeitos de produção de conhecimento. Para que possamos, mais do que acumular currículos ou sugerir propostas á realidade da educação infantil em que atuamos efetivamente participar da construção e consolidação de sua aprendizagem e desenvolvimento. 

1 .0- A APRENDIZAGEM PROMOVE O DESENVOLVIMENTO

Conceituando aprendizagem e desenvolvimento, segundo as ideologias de Vygotsky, podemos dizer que aprendizagem é o produto da ação dos adultos que fazem a mediação no processo de aprendizagem das crianças, sendo um aspecto necessário e fundamental no processo de desenvolvimento. O desenvolvimento é o resultado da convivência social, pelo processo de socialização, e depende da aprendizagem no meio social, principalmente aquela sistematizada no meio escolar.

            Há muitos anos se estudava sobre o desenvolvimento, psicólogos, teóricos dessa linha de pensamento, inclusive da aprendizagem humana, sempre tiveram seu olhar voltado para o pensamento filosófico que norteou a busca do conhecimento, no qual este pensamento também é sentido nos estudos psicológicos ao longo dos anos.

Nessa linha de pensamento, o desenvolvimento do indivíduo é como resultado de um processo sócio-histórico, onde a aprendizagem impulsiona esse desenvolvimento. A origem das mudanças que ocorrem no homem, ao longo do seu desenvolvimento, está na sociedade, na cultura e na sua história. É um ser histórico porque constrói a história, e ao longo da vida acumula, transforma e é transformado pelas ideologias e experiências adquiridas por seus antepassados.

Para explicar e compreender as especificidades do desenvolvimento da criança, o modelo histórico-cultural fundamenta-se em uma compreensão dialética da relação entre o biológico e o social, considerando que a criança não pode ser representada nem pela máquina e nem pelo organismo vivo, mas como um ser simbólico através das relações sociais.

Em resposta à sua abordagem genética, Vygotsky estudou a origem e o desenvolvimento psicológicos ao longo da história da espécie humana e individual. O desenvolvimento humano, o aprendizado e as relações entre desenvolvimento e aprendizado, são os principais temas abordados por ele.

Apesar de vygotsky não ter formulado uma ideologia estruturada do desenvolvimento humano, ele desenvolveu reflexões e pesquisas importantes sobre o mesmo. De acordo com sua ideologia, aprendizagem e desenvolvimento estão inter-relacionados desde o primeiro dia de vida da criança. O aprendizado está relacionado ao desenvolvimento, sendo que é este quem possibilita o despertar de processos internos de desenvolvimento, o que não ocorreria sem o contato do indivíduo num certo ambiente cultural. Portanto, a aprendizagem promove o desenvolvimento. Vale ressaltar que o desenvolvimento fica impedido de ocorrer na falta de situações propícias ao aprendizado. Contudo, o desenvolvimento pleno da criança depende do aprendizado que recebe num certo meio cultural, a partir da interação com outros indivíduos da sua espécie, ou seja, um indivíduo criado num ambiente que não tem acesso ao sistema de escrita e nem ao meio letrado, não se alfabetizará. Entretanto, o aprendizado é necessário e universal ao desenvolvimento das características psicológicas do ser humano. Por isso, o aprendizado e o desenvolvimento ocupam lugar de destaque em sua obra.

Em seu cotidiano, a criança vivencia experiências, conceitos, valores e idéias do seu meio cultural e social.

Embora o aprendizado da criança se inicie antes de freqüentar a escola, o aprendizado escolar é de suma importância, pois, introduz novos elementos em seu desenvolvimento.

Para entender a relação entre desenvolvimento e aprendizagem, em Vygotsky, torna-se necessária a compreensão do conceito de Zona de Desenvolvimento Proximal. A psicologia sempre esteve preocupada em detectar o nível de desenvolvimento real do indivíduo, ou seja, o que a criança é capaz de fazer sozinha, referente a conquistas que já estão consolidadas e o que já aprendeu e domina.

Tomemos como exemplo a escola, que tende a valorizar apenas o nível de desenvolvimento real dos alunos, ou seja, valorizam o que sabem e não o processo que levou à aquisição do conhecimento, por isso os professores ao dar uma tarefa, pede que o aluno não converse, não consulte e não interaja com ninguém. Se essas questões fossem respondidas com a mediação do professor ou colega mais experiente, seriam respostas, mais positivas. Por isso, Vygotsky aponta a existência de um outro nível de desenvolvimento, o potencial, ou seja, quando a criança não consegue realizar determinada tarefa, mas é capaz de fazer com a ajuda de outra pessoa mais experiente. Isso revela o seu nível de desenvolvimento proximal, isto é, o nível que se situa entre o desenvolvimento real e o potencial, ou seja, o caminho que a criança irá percorrer para desenvolver funções que estão em processo de amadurecimento e que se tornarão funções consolidadas no seu nível de desenvolvimento real.

[...] a distância entre o nível de desenvolvimento real, que se costuma determinar através da solução independente de problemas, e o nível de desenvolvimento potencial determinado através da solução de problemas sob a orientação de um adulto ou em colaboração com companheiros mais capazes. (Vygotsky 1989, p. 97)

Estes conceitos devem ser considerados na prática pedagógica: a criança só conseguirá realizar algo, se este estiver dentro da zona de desenvolvimento proximal dela, portanto, não adiantaria um professor ensinar ao pré-escolar a matemática do ensino fundamental, pois tais conceitos não estão iniciados em sua zona de desenvolvimento proximal, o ensino dessa habilidade seria completamente sem efeito.

[...]

 

 
Download do artigo
Revisado por Editor do Webartigos.com
Leia outros artigos de Ivany Lima De Almeida
Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)

Membro desde agosto de 2012