A Impotância de Estudar a História Local
 
A Impotância de Estudar a História Local
 


A IMPORTÂNCIA DE ESTUDAR A HISTÓRIA LOCAL


Guilherme Augusto Hilário Lopes

RESUMO

O artigo tem com o objetivo relatar a experiência da pesquisa feita sobre a história da educação de Blumenau e a importância de estudar história local e regional, e a valorização da mesma que não tem sido valorizada como devia ser. Indica também meios para trabalhar história local em sala de aula através fotografias, revistas, e até entrevistas com moradores mais antigos da região podendo transportar o educando ao mundo nunca visto antes e de forma muito simples e fácil de saber que ele produz e faz parte desta historia de forma impar.


Palavras-chave: Educar, História local e regional. Blumenau.


1 INTRODUÇÃO

Partimos da necessidade de conhecer quem somos de onde viemos e quiçá para onde vamos todo ser humana se indaga e como isso nasce à curiosidade que por fim leva ao conhecimento.

Com isso estudamos a história da cidade de Blumenau e consequentemente a história
da educação na cidade desde seu inicio até os dias de hoje para poder em fim ver de que forma trabalhar história local e regional com os educandos de forma produtiva e resolutiva.

Ao longo do texto iremos nos deparar com a colonização e a história de Blumenau e o porque estudar historia local e regional. Trabalhar este conteúdo com alunos não é uma coisa de outro mundo basta querer e ter vontade para buscar fontes seguras sobre o assunto de preferência que viveu esta época para nos contar e quem sabe mostrar um pouco do que já foi vivido nessas terras.


2 DESENVOLVIMENTO

2.1 Colonização e educação em Blumenau
A colonização alemã ao sul do Brasil se dava pelo descontentamento da população alemã com a industrialização que ocorria no inicio do século XIX deixando assim vários camponeses,artesões,trabalhadores livres a mercê do capitalismo, a Europa se via em crise com tanta gente aglomerada nos grandes centros urbanos a insatisfação era plena e culminou para a vinda de varias famílias para povoamento da nova colônia.

Blumenau teve inicio em 1848[...](LEIRIA,2011). Isso para a cultura dos povos Europeus pois a região já era povoada por nativos indígenas das tribos kaigangs, botocudos e xoklengs que durante anos travaram batalhas contra os brancos na tentativa de impedir o avanço da colônia, a educação era de certa forma direcionada pela igreja onde a língua usada para ensinar era o alemão até a campanha nacionalização que obrigou todas as escolas a ensinar em português,não que o governo de Getúlio Vargas fosse nazista havia apenas uma admiração pelo modelo de governo alemão e pelo nacionalismo alemão.

2.2 Estudar história local e regional
Parte da necessidade de aprender com o cotidiano e as pessoas ao seu redor com a cultura local "O ensino da História Local apresenta-se como um ponto de partida para a aprendizagem histórica [...]" (Lima, 2011). O que não vem sendo valorizado pelo órgãos competentes que deveriam manter essa uma dos assuntos base a ser estudado pela disciplina de história e um assunto para sempre ser revisado por tratar de ser de fácil acesso para a população local pesquisar e estudar.

Estudar história local e regional parte da necessidade de não deixar costumes e hábitos de tempos remotos se perderem por definitivo sendo que o principio da história e rpeservar o que não existe ou tentar resgatar o que se perdeu.

Conforme Martins "A historia local não é uma história de protagonistas, mas de coadjuvantes" (2002, p.41). Ao contrario das grandes revoluções onde se tem um líder a historia local é escrita e vivida por todos que se englobam nela onde todos são produtores e produtos responsáveis pelo processo.

A apresentação do trabalho de certa forma foi uma grande troca de informações entre os colegas de turma resgatando a história e a cultura da cidade de Blumenau e também apresentando fatos curiosos vividos pela população da época.

3 COMO TRABALHAR HISTÓRIA LOCAL EM SALA DE AULA através de fotografias, jornais antigos de entrevistas com pessoas que residem a mais tempo na região, através de objetos por exemplo de onde será que veio tal objeto? quanto tempo faz isso? Por exemplo, propondo sempre ao educando buscar e não apenas fotocopiar o conhecimento proposto em livros didáticos desta forma historia oral se torna um instrumento imprescindível para conhecimento estudar história local é como conhecer bem a nossa casa.

3 CONCLUSÃO

Ao desenvolver a pesquisa sobre a história da cidade e educação de Blumenau me surpreendi com a rica herança deixada pelos imigrantes que ainda hoje nos permite trabalha questões históricas e transforma conhecimento em saber para educandos e educadores através do aprendizado mutuo onde normalmente a historia e cultura local é passada de geração para geração.

REFERÊNCIAS


LEIRIA, Maria de Lourdes. As relações de trabalho em Blumenau no período de 1850-1900. REVISTA PERSONA. Disponível em:. Acesso em: 04 abr. 2011.


LIMA, Idelsuite de Souza. Abordagem do ensino da historia local nos livros didáticos series iniciais. Disponível em:


MARTINS, José de Souza. Subúrbio: vida cotidiana e historia no subúrbio da Cidade de São Paulo. 2. ed. São Paulo: Unesp, 2002. Disponível em:. Acesso em: 12 jul. 2011.


 
Avalie este artigo:
 
Revisado por Editor do Webartigos.com


Talvez você goste destes artigos também
Sobre este autor(a)
Estudante de História no Centro Universitário Leonardo da Vinci
Membro desde julho de 2011
Facebook
Informativo Webartigos.com
Receba novidades do webartigos.com em seu
e-mail. Cadastre-se abaixo:
Nome:
E-mail: